G1 Santos

Ameaça de morte, parcelamento de dívida e pedido de perdão; veja troca de mensagens de jogador do Santos com quadrilha de apostas

today10 de maio de 2023 9

Fundo
share close

Bauermann é um dos 16 denunciados pelo Ministério Público de Goiás na Operação Penalidade Máxima II. O ge teve acesso a mensagens de WhatsApp que constam na nova denúncia feita pelo Ministério Público de Goiás.

O jogador, segundo o Ministério Público, teria recebido R$ 50 mil para levar cartão amarelo no empate entre Santos e Avaí, pelo Brasileirão do ano passado, mas não foi advertido. Depois do episódio, um dos integrantes do grupo de apostadores encaminha a Bauermann uma mensagem de um comparsa com a seguinte frase: “Irmão esse mlk merece morrer”.

Conversa de Eduardo Bauermann com apostador — Foto: ge.globo



Como já tinha ficado com o dinheiro e não cumpriu o combinado, o zagueiro aceitou outra aposta: seria expulso no jogo seguinte, contra o Botafogo. Antes da partida, o jogador chega a brincar com o apostador dizendo que vão “reerguer a firma”.

Troca de mensagens entre Eduardo Bauermann e apostador — Foto: ge.globo

Eduardo Bauermann de fato recebeu o cartão vermelho, mas após o término da partida. A expulsão depois do apito final não é considerada por alguns sites de apostas. O jogador diz que não sabia da regra.

A partir disso, o Bauermann é pressionado para devolver o dinheiro e chega a falar em fazer um empréstimo bancário e até a cogitar repassar aos apostadores uma porcentagem de seus direitos econômicos em uma futura negociação para sair do Santos.

Troca de mensagens entre Eduardo Bauermann e apostador — Foto: ge.globo

Troca de mensagens entre Eduardo Bauermann e apostador — Foto: ge.globo

Troca de mensagens entre Eduardo Bauermann e apostador — Foto: ge.globo

Eduardo Bauermann diz ao apostador que aguarda receber uma proposta no fim do ano para ser negociado e que pode repassar ao grupo o que teria a receber.

Troca de mensagens entre Eduardo Bauermann e apostador — Foto: ge.globo

Sem sucesso na primeira aposta, a quadrilha tenta conseguir novos jogadores e, para isso, consulta Bauermann. O jogador se compromete a procurar dois companheiros no Santos para receberem cartões na partida contra o Botafogo, no Rio de Janeiro. Os nomes não foram revelados.

Troca de mensagens entre Eduardo Bauermann e apostador — Foto: ge.globo

Veja, abaixo, a troca de mensagens:

Apostador: “E quantos jogadores você arruma para tomar a porra do cartão no domingo?”.

Bauermann: “Cara, posso ver quem está à disposição aqui. Acho que uns 2”.

Apostador: “Certeza disso, mano? Dois caras mil grau que não vai fazer o que você fez”.

Troca de mensagens entre Eduardo Bauermann e apostador — Foto: ge.globo

Bauermann mantém contato com os apostadores mesmo durante o período de nascimento da filha. O jogador faz depósitos a eles para devolver os R$ 50 mil que recebeu pelo esquema.

Troca de mensagens entre Eduardo Bauermann e apostador — Foto: ge.globo

Luiz Taveira, empresário de Bauermann também aparece em troca de mensagens com os apostadores. Em uma delas, diz que o jogador deveria ter “rachado o cara no pau” para forçar a expulsão contra o Botafogo.

Em contato com a reportagem, Luiz Taveira disse que tinha conhecimento da oferta e que aconselhou Bauermann a não receber o cartão no jogo contra o Botafogo. Ele também alega que estava negociando a restituição dos valores aos aliciadores.

Troca de mensagens entre Eduardo Bauermann e apostador — Foto: ge.globo

O Ministério Público de Goiás fez uma nova denúncia sobre manipulação de jogos no futebol brasileiro. Estão sob investigação partidas das Séries A e B do Campeonato Brasileiro de 2022, além de confrontos dos estaduais que aconteceram neste ano.

As informações foram publicadas pela Veja. São pelo menos 20 partidas sendo analisadas pelo MP. A nova denúncia ainda não teve resposta da Justiça, mas foi feita a partir da busca e apreensão de equipamentos em fases anteriores da Operação Penalidade Máxima. Os clubes e casas de apostas são tratados como vítimas.

Os casos investigados envolvem apostas para lances como punições com cartões amarelo ou vermelho e cometer pênaltis. Bruno Lopez de Moura, apostador que havia sido detido na primeira fase da operação, é visto pelo MP como líder da quadrilha no esquema de manipulação de resultados. Outras 16 pessoas podem virar réus no caso.

Na fase anterior da operação, alguns jogadores foram alvos de uma operação de busca e apreensão: os zagueiros Victor Ramos, da Chapecoense, Kevin Lomónaco, do Bragantino, Paulo Miranda, ex-Juventude, e Eduardo Bauermann, do Santos, os laterais-esquerdos Igor Cariús, do Sport, e Moraes, ex-Juventude e hoje no Atlético-GO, e o meia Gabriel Tota, ex-Juventude e atualmente no Ypiranga-RS.

Na fase atual, foram adicionados os nomes dos volantes Fernando Neto, ex-Operário-PR e hoje no São Bernardo, e Nikolas, do Novo Hamburgo-RS, e do atacante Jarro Pedroso, do Inter-SM.

O MP-GO pede a condenação do grupo envolvido na manipulação, além do ressarcimento de R$ 2 milhões aos cofres públicos por danos morais coletivos, ainda segundo a Veja.

Entre os detalhes obtidos nesta investigação do MP-GO estão os valores oferecidos para que os jogadores fizessem os atos previstos nas apostas.

Bauermann durante jogo entre Santos e Atlético-MG — Foto: Pedro Souza/CAM

O Santos decidiu na manhã desta terça-feira afastar o zagueiro Eduardo Bauermann. O presidente Andres Rueda se reuniu com o atleta e depois convocou o grupo para falar sobre o assunto no CT Rei Pelé.

Veja a nota publicada pelo Santos:

O Santos Futebol Clube informa que o atleta Eduardo Bauermann foi comunicado que está afastado preventivamente dos treinos com o elenco profissional, a partir desta terça-feira (9), diante dos novos desdobramentos divulgados na Operação Penalidade Máxima 2, do Ministério Público de Goiás.

O jogador permanecerá fazendo atividades físicas no CT Rei Pelé. O Clube aguardará se a Justiça aceitará a denúncia para definir novas ações, sempre com o pensamento voltado a preservar a instituição.

O Santos FC não tolera desvios de conduta e de ética.

VÍDEOS: g1 em 1 minuto Santos




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

enfermeiros-da-atencao-primaria-participam-de-capacitacao-humanizada

Prefeitura de Guarujá

Enfermeiros da Atenção Primária participam de capacitação humanizada

Palestra sobre acolhimento e escuta qualificada tem como objetivo o acesso e a integralidade do cuidado Para reforçar a atenção das equipes sobre a importância do acolhimento, da escuta qualificada e do atendimento humanizado, 28 enfermeiros recém-chegados na rede de Atenção Primária de Guarujá participaram de uma capacitação nestas terça (9) e quarta-feira (10), no Instituto da Mulher Casa Rosa. Com enfoque no atendimento de pré-natal e puericultura, ou seja, […]

today10 de maio de 2023 17

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%