G1 Mundo

As chocantes imagens da violência em Paris após um protesto contra um ataque que deixou 3 mortos

today25 de dezembro de 2022 13

Fundo
share close

Além dos óbitos, outras três pessoas ficaram feridas depois que um atirador abriu fogo em um restaurante e centro comunitário curdo.

Os confrontos no protesto começaram na sexta-feira, entre a polícia e um grupo que se reuniu no local após o ataque.

As imagens mostraram incêndios na rua e alguns manifestantes quebrando vidros de carros.



Paris tem 2º dia seguido de confrontos entre a polícia e manifestantes curdos

Paris tem 2º dia seguido de confrontos entre a polícia e manifestantes curdos

Os oficiais da unidade de choque da polícia responderam disparando gás lacrimogêneo quando um grupo tentou romper o cordão de segurança.

Manifestantes também jogaram objetos contra os policiais — Foto: SARAH MEYSSONNIER/REUTERS via BBC

Alguns manifestantes viraram carros, enquanto outros incendiaram veículos.

Carros foram virados durante ataque — Foto: TERESA SUAREZ/EPA via BBC

Eles também jogaram objetos contra os policiais.

A violência aumentou novamente no sábado, depois que centenas de curdos se reuniram pacificamente na Place de la République para prestar homenagem às três vítimas.

O ataque da sexta-feira ocorreu em um centro cultural curdo e em um restaurante na Rue d’Enghien, no 10º arrondissement de Paris.

Ataque ocorreu em um centro cultural curdo — Foto: TERESA SUAREZ/EPA

Um homem de 69 anos suspeito de disparar os tiros descreveu a si próprio como um racista que odiava os estrangeiros, disse uma fonte policial à agência de notícias AFP.

A polícia deteve o suspeito que não resistiu e teria recuperado a arma usada no ataque. Os promotores disseram que uma investigação foi aberta.

Oficiais da unidade de choque da polícia responderam disparando gás lacrimogêneo — Foto: SARAH MEYSSONNIER/REUTERS

O sujeito, que está sendo interrogado pelas autoridades, havia sido liberado recentemente por outro ataque, que ocorreu em 2021 e foi feito em um acampamento de imigrantes.

“Estávamos andando na rua e ouvimos tiros”, disse uma testemunha, Ali Dalek, à BBC. “Nós nos viramos e vimos pessoas correndo.

Atos violentos abalaram o centro de Paris — Foto: SARAH MEYSSONNIER/REUTERS via BBC

“E então, cinco ou seis minutos depois, entramos em um salão de beleza onde conhecemos pessoas que trabalham e vimos que um homem havia sido preso.”

Outra testemunha, uma comerciante, disse à AFP que se trancou no local. Ele afirmou ter ouvido sete ou oito rajadas de tiros.

Manifestantes curdos entram em confronto com a polícia após tiroteio em Paris

Manifestantes curdos entram em confronto com a polícia após tiroteio em Paris




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

papa-critica-guerras-e-faz-referencia-a-ucrania-na-missa-do-galo

G1 Mundo

Papa critica guerras e faz referência à Ucrânia na Missa do Galo

O discurso foi visto como uma referência à guerra da Ucrânia. Desde o início do conflito, o pontífice tem adotado uma postura crítica à invasão russa ao país vizinho em suas missas e discursos. "Homens e mulheres em nosso mundo, em sua fome de riqueza e poder, consomem até mesmo seus vizinhos, seus irmãos e irmãs", disse o Papa. "Quantas guerras já vimos! E em quantos lugares, ainda hoje, a […]

today25 de dezembro de 2022 17

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%