G1 Mundo

Ativistas roubam cordeiros de propriedade do rei Charles III

today25 de maio de 2023 8

Fundo
share close

O grupo publicou imagens no Twitter que mostram três mulheres roubando três cordeiros de um campo para dar a eles “uma vida em liberdade”, como afirma uma delas, que diz estar na propriedade de Sandringham.

“Caso contrário, teriam sido levados em breve para o matadouro, e as pessoas os teriam comido”, afirmou a ativista.

Em um comunicado, a Animal Rising afirmou que esta operação de resgate ocorreu na noite de quarta-feira “por volta das 20h” (16h em Brasília) e que as três ativistas se entregaram posteriormente à polícia.



A polícia local confirmou que as três compareceram de forma voluntária a uma delegacia e foram detidas “por suspeita de roubo”.

Imagens publicadas no Twitter mostram ativistas levando cordeiros que pertencem ao rei Charles III — Foto: Reprodução/Animal Rising

Esta ação marca o início de uma série de operações de resgate de animais que a Animal Rising pretende realizar durante o verão para conscientizar os britânicos sobre a necessidade de mudar a forma como comem, disse o grupo.

Fazenda pertence à família real há cinco gerações

A propriedade de Sandringham, que abrange vários milhares de acres de bosque, cultivos e jardins, pertence à família real britânica há cinco gerações.

Charles III herdou-a com a morte de sua mãe, a rainha Elizabeth II, em setembro passado.

Nesta quinta-feira, outros três ativistas do grupo ambientalista Just Stop Oil foram detidos em Londres após jogarem tinta laranja em uma peça na exposição de flores de Chelsea, disse o grupo, que luta pelo fim da exploração de hidrocarbonetos.

A Just Stop Oil vem fazendo ações de choque há meses, a ponto de o governo conservador britânico aprovar uma lei para fortalecer os poderes da polícia para combater essas operações. Vários de seus ativistas foram detidos em paralelo à coroação de Charles III, em 6 de maio, em Londres.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

policia-federal-realiza-acao-contra-o-trafico-internacional-de-drogas-pelo-porto-de-santos

G1 Santos

Polícia Federal realiza ação contra o tráfico internacional de drogas pelo Porto de Santos

A droga estava escondida em uma carga de amendoins, que faria uma parada no porto da Antuérpia, na Bélgica, antes de seguir para a Polônia. Na época, ninguém foi preso. A ação fez parte de uma investigação sobre tráfico internacional de drogas no Porto de Santos. O mandado de busca e apreensão foi enviado pela Justiça Federal da cidade. A reportagem entrou em contato com a PF para mais informações, […]

today25 de maio de 2023 7

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%