Gospel Prime

Barroso aciona STF contra Magno Malta por calúnia

today14 de junho de 2022 12

Fundo
share close

O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), apresentou queixa-crime na Corte, em que pede a abertura de uma ação penal contra o ex-senador Magno Malta (PL-ES) por calúnia.

A relatoria da queixa-crime ficou a cargo do ministro Alexandre de Moraes, que deve analisar a acusação contra o ex-senador, que durante um evento no último final de semana, em Campinas, no interior de São Paulo, disse que Barroso batia em mulher e que poderia provar.

“Barroso, quando ele é sabatinado (no Senado), a gente descobre que ele tem dois processos no STJ, na Lei Maria da Penha, por espancamento de mulher. Além de tudo, o Barroso bate em mulher”, disse.

O ex-senador repetiu a declaração nas redes sociais, o que foi apontado pelo ministro como agravante. A pena para calúnia é de detenção de seis meses a dois anos, além de multa.

A defesa do ministro alega que, com a declaração, o ex-senador teria praticado “ato concertado que revela manifestação concreta das táticas utilizadas para a operação de redes de desinformação contra o órgão de cúpula do Poder Judiciário e o Estado de Direito”.



A queixa-crime foi assinada pelo advogado Ademar Borges, na qual Barroso afirma que a

“conduta de atingir a honra e a imagem de terceiro assumirá maior gravidade quando for empregada deliberadamente para minar a confiança da população nas instituições democráticas, por meio de calúnia e injúria voltadas contra aqueles responsáveis pelo desempenho de atividades necessárias ao próprio funcionamento da democracia”.

Na petição, Barroso pede ainda que sejam considerados os crimes de injúria e difamação, caso se entenda que o caso não se enquadra no crime de calúnia.




Todos os créditos desta notícia pertecem a Gospel Prime.

Por: Michael Caceres

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

veja-o-que-se-sabe-e-o-que-falta-esclarecer-sobre-a-morte-da-menina-de-6-anos-que-caiu-do-12o-andar-apos-se-desesperar-ao-acordar-sozinha-em-sp

G1 Santos

Veja o que se sabe e o que falta esclarecer sobre a morte da menina de 6 anos que caiu do 12º andar após se desesperar ao acordar sozinha em SP

Rafaella Lozzardo Silva, de seis anos, morreu ao cair do 12º andar de um prédio na madrugada do último sábado (11), no bairro Canto do Forte, em Praia Grande, no litoral de São Paulo. O caso, que gerou grande repercussão nacional, aconteceu na Avenida Castelo Branco. O pai da menina foi liberado após ter sido preso por abandono de incapaz com resultado de morte. O g1 elaborou esta reportagem para […]

today14 de junho de 2022 7

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%