Tocando:

Rádio 97Web

Cantor diz que o Facebook o vem censurando há meses

Escrito por em 10 de junho de 2021

Nesta terça-feira (8), o líder de louvor americano Sean Feucht, compartilhou uma mensagem perturbadora, que diz que o Facebook tem censurado e cancelado as suas páginas nos últimos cinco meses.

Muitos acreditam que o “movimento de cancelamento da cultura” continua crescendo e tem como alvo as igrejas e o cristianismo.

Sean escreveu que o motivo do cancelamento do Facebook era por “conteúdo perigoso”, e mesmo assim ele disse que é um milagre pois mil pessoas continuam comparecendo todas as noites no #LetUsWorship ao redor da América.

O cantor escreveu que não estava surpreso com essa notícia, pois com certeza é muito “perigoso” para o diabo, e pediu que as pessoas ajudassem a quebrar o algoritmo do Facebook postando, comentando, compartilhando e repostando.

Nada pode parar o agir de Deus

“Eu não tenho certeza que as pessoas têm ouvido sobre os eventos que estão para acontecer! Mas mesmo uma GRANDE TECNOLOGIA NÃO PODE PARAR o mover de Deus”, concluiu Feucht na sua postagem, se referindo a plataforma.

O cantor disse para a CBN News que o Facebook investiu pesado para reduzir os seus compartilhamentos e afirmaram que ele estava compartilhando notícias falsas. Além disso, ele não pode fazer anúncios para promover seus álbuns porque a empresa não concorda com suas opiniões.

“Vimos que o que o Facebook acredita ser uma mentira um dia, acaba se tornando verdade no dia seguinte. O duplo padrão é assustador e perigoso, e algo deve ser feito. O Vale do Silício não tem negócios regulando a liberdade de expressão”, acrescentou.

No verão passado Feucht começou o “Let Us Worship” [Deixe-nos Adorar], um evento ao ar livre que levou durante a pandemia milhares de pessoas a aceitar Jesus Cristo como seu salvador, espalhando um avivamento pela América, segundo o CBN News.




Opinião dos visitantes

Deixe um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *