G1 Mundo

Carne em mala: o que se sabe e o que falta esclarecer sobre o caso do brasileiro preso em Portugal suspeito de homicídio

today3 de março de 2023 17

Fundo
share close

De acordo com o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF), o homem, que é da cidade mineira de Matipó, na Região da Zona da Mata, em Minas Gerais, foi preso, na última segunda-feira (27), em um aeroporto de Lisboa por falsificação de documentos. Begoleã ainda é suspeito de matar o também brasileiro Alan Lopes, da mesma idade, no Norte de Amsterdã.

Ainda conforme o jornal português Correio de Manhã, a carne apreendida com o mineiro é de origem humana, mas não é de Alan. A polícia não dá detalhes do caso.

Veja o que se sabe e o que falta esclarecer sobre o caso:



Quem é a vítima do assassinato?

  • Alan Lopes, de 21 anos, é a vítima do homicídio. Ele também é brasileiro e trabalhava como açougueiro. A família de Alan é de Brasília (DF), mas vive há sete anos na capital holandesa.

Quem é o suspeito do assassinato de Alan?

  • O brasileiro Begoleã Mendes Fernandes, de 26 anos, é suspeito do crime. Ele é natural da cidade de Matipó, na Zona da Mata de Minas Gerais. 

Quando e onde ele foi preso?

  • Begoleã foi preso na noite da última segunda-feira (27) em um aeroporto na cidade de Lisboa, em Portugal. 

O que aconteceu no aeroporto para o suspeito ter sido preso?

  • Segundo o SEF, o suspeito, que pretendia viajar com destino a Belo Horizonte, apresentou um cartão de identidade italiano, além de portar outros documentos de identificação em nome de terceiros, o que levantou suspeitas.

Qual seria o trajeto do brasileiro antes de ser preso no aeroporto?

  • O suspeito saiu de Amsterdã, na Holanda, foi para Lisboa, em Portugal, onde embarcaria para Belo Horizonte, no Brasil. Não há informações se ele passou por outras cidades. 

O que foi encontrado na bagagem do suspeito?

  • Na mala dele, foram apreendidas roupas sujas de sangue, uma amarra e uma embalagem plástica com “pedaços suspeitos de carne”. 

Onde o suspeito está agora?

  • O SEF informou que o suspeito prestou depoimento no Tribunal da Relação de Lisboa na segunda-feira (27). Depois desta data, não há informações para onde ele foi levado.

O que o suspeito fazia na Holanda?

  • Ainda não há informações do trabalho de Begoleã em Amsterdã, mas, segundo um conterrâneo dele entrevistado pelo g1 Minas, o suspeito saiu da cidade mineira de Matipó para ser lutador na Holanda.

O que a polícia está investigando?

  • A polícia holandesa não passa detalhes sobre a investigação, mas Kamila Lopes, irmã de Alan Lopes, disse à imprensa que o irmão foi morto a facadas. A hipótese é que ele tenha levado algum golpe de luta que o deixou desacordado para ser atacado na sequência.

Quais são as versões da polícia sobre a carne?

  • A carne encontrada na mala foi analisada no Instituto de Medicina Legal de Lisboa, que apontou que a amostra investigada não pertence a Alan Lopes. No entanto, outros detalhes não foram divulgados e o caso segue em investigação. 

O que diz a defesa do suspeito?

  • Ainda não há informações se algum advogado assumiu a defesa de Begoleã.

Veja os vídeos mais assistidos do g1 Minas:




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

cachorro-e-resgatado-com-vida-em-escombros-23-dias-apos-terremoto-na-turquia

G1 Mundo

Cachorro é resgatado com vida em escombros 23 dias após terremoto na Turquia

O cão da raça husky foi retirado dos escombros de um prédio desabado na cidade de Hatay, sudeste da Turquia. Cão é acariciado pela socorrista ao deixar os escombros onde passou 23 dias soterrado. — Foto: Gokhan Balci/ Anadolu Agency/ Getty Images via BBC Um cachorro foi encontrado com vida em Hatay, na Turquia, depois de 23 dias preso sob escombros de um prédio que desabou durante os terremotos que […]

today3 de março de 2023 10

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%