Tocando:

Rádio 97Web

Cidades da Baixada Santista reduzem intervalo para dose de reforço contra a Covid-19

Escrito por em 2 de dezembro de 2021

Estado anunciou, nesta quinta-feira (2), redução do intervalo de cinco para quatro meses, e cinco cidades da região acataram medida.


Cidades da Baixada Santista reduzem intervalo para dose de reforço contra a Covid-19 — Foto: Vanessa Rodrigues/Jornal A Tribuna

Cinco cidades da Baixada Santista, no litoral de São Paulo, reduzirão o intervalo para a aplicação da dose de reforço contra a Covid-19. As prefeituras seguirão o plano do Governo do Estado, que anunciou a redução do intervalo de cinco para quatro meses nesta quinta-feira (2). Segundo o Comitê Científico do Coronavírus da atual gestão estadual, os três casos da variante ômicron em São Paulo influenciaram a medida.

As prefeituras de Itanhaém, Cubatão, Peruíbe, Praia Grande e São Vicente esclareceram ao g1 que seguirão as medidas do estado, que apontam redução de um mês no intervalo para a dose de reforço. A decisão vale para maiores de 18 anos que receberam duas doses das vacinas CoronaVac, AstraZeneca ou Pfizer.

Guarujá esclarece que não segue o plano do estado porque já aplica a dose de reforço com um intervalo de 60 dias a moradores com 18 anos ou mais. A medida entrou em vigor no dia 16 de novembro.

Santos, Mongaguá e Bertioga reiteram que aguardam parecer técnico dos Departamentos Regionais de Saúde (DRSs) que oficialize a medida para, então, ela poder entrar em vigor. Já as prefeitura de Cubatão e São Vicente anunciaram que passarão a considerar o novo intervalo já na sexta-feira (3).

VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos

Newsletter G1Created with Sketch.

O que aconteceu hoje, diretamente no seu e-mail

As notícias que você não pode perder diretamente no seu e-mail.

Para se inscrever, entre ou crie uma Conta Globo gratuita.

Obrigado!

Você acaba de se inscrever na newsletter Resumo do dia.

Deseja receber as notícias mais importantes em tempo real? Ative as notificações do G1!




Opinião dos visitantes

Deixe um Comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.