G1 Santos

Dragões do Castelo abrirá o carnaval santista com um enredo sobre sonhos e o tempo

today17 de janeiro de 2023 46

Fundo
share close

Unir o domínio do tempo e a realização de sonhos talvez seja a grande meta do ser humano. Se isso nem sempre é possível na vida real, na música, sim. É o caso do enredo ‘Tempo – O Alimentador de Sonhos’, da escola de samba Dragões do Castelo, desse bairro da Zona Noroeste de Santos, no litoral de São Paulo.

Convidada no desfile de 2020, o último antes da pandemia, a agremiação integra o Grupo de Acesso neste ano e abre a primeira noite de folia na Passarela Dráusio da Cruz, em 10 de fevereiro.

“Estamos voltando para o nosso chão e com toda energia. É um momento excepcional, a comunidade está com muita garra e isso contagia também nossa diretoria. Para a retomada dos eventos em Santos estar completa, o que estava faltando realmente era o Carnaval”, diz a presidente, Daniela Nascimento Wonsuit.



O enredo começou a ser desenvolvido no último Carnaval com a ajuda da comunidade. “Foi um ano muito difícil, como acredito que foi para todo mundo. No decorrer desse trabalho, nós escutávamos muito das pessoas sobre os sonhos que elas tinham. E percebemos como o tempo era essencial para que cada um pudesse tentar realizar o que quer, ainda que o único capaz de determinar o quanto temos de tempo seja Deus”, relembra a presidente.

A escola, então, realizou uma enquete com os integrantes do bairro, pedindo a cada um que descrevesse seu sonho. Era a construção de uma obra coletiva. “O enredo foi construído em cima dessas respostas”.

Na avenida, a Dragões do Castelo terá 750 integrantes, em dez alas. “Cada setor da escola trará uma referência que vai despertar nas pessoas o reconhecimento dos seus próprios sonhos, porque são comuns a muitos brasileiros. Acredito que isso vai envolver o público e dará uma emoção extra ao nosso desfile”, projeta.

Na letra do samba, há de tudo um pouco: a magia da Disney para a criança, a emoção do grito de gol para todas as idades e o sonho dos direitos iguais.

“É, ao mesmo tempo, uma homenagem à nossa raiz, pois muitos que responderam à enquete estarão na avenida. E, também, uma reflexão sobre como dependemos do tempo para conquistar nossos objetivos. Inclusive o da Dragões, que é ganhar o Carnaval”, explica Daniela.

Nome: Centro Cultural Escola de Samba Dragões do Castelo

Fundação: 3 de julho de 2010

Bairro: Castelo (Santos)

Melhor Colocação: Vice-campeã do Grupo de Acesso em 2014

Componentes: 750

Alas: 10

Carro alegórico: 1

Olha só quem voltou pra luta de novo

Nos braços do povo onde é minha raiz

Sou a Dragões e nada pode me parar

Em busca de um sonho não vão me calar

Ó criador, seja feita a sua vontade

Famílias lutam por dignidade

Batalham pelo seu primeiro lar

Com garra e com fé no coração,

chegar no primeiro milhão

Em cada canto da comunidade

Só quem sonha que pode alcançar

Rompendo barreiras, quebrando grilhões

Unidos clamar por direitos iguais

Fazer do que Deus disse uma sagrada lei

Amai uns aos outros como vos amei

Embarcar na viagem dos sonhos

Ostentar sem pensar no amanhã

Na Disney delira a criança:

Sorriso sincero, brilho no olhar

Brasil, caldeirão cultural

Celeiro de gênios, tu és imortal

Canções revelaram talentos

O grito de gol desperta a paixão

Clamor de respeito, questões raciais

Por mais moradias, direitos iguais

Diversidade, contra o regresso

Botando a ordem no nosso progresso

Ó, Pátria Mãe Gentil, por ti eu vou lutar

Pro nosso sonho se realizar

Compositores: Abraão Santos, Felipe Lima, Marcus Lopes, Gabriel Nunes,Iuri Santos, Duda e Cezynha 7 Cordas

Intérprete: Márcio França

VÍDEOS: Mais assistidos do g1 nos últimos 7 dias




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

velejador-desaparece-apos-sair-de-marina-para-fazer-teste-em-embarcacao-no-litoral-de-sp

G1 Santos

Velejador desaparece após sair de marina para fazer teste em embarcação no litoral de SP

O velejador Edison Gloeden, de 66 anos, desapareceu após sair da sede náutica de um clube de Santos, no litoral de São Paulo, para fazer testes na embarcação dele, o veleiro 'Sufoco'. O Corpo de Bombeiros realiza buscas marítimas e aéreas. Segundo amigos de Edison, o velejador estava na sede náutica do Clube Internacional de Regatas, por volta das 14h30 do último domingo (15), e não avisou ninguém que sairia […]

today17 de janeiro de 2023 28

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%