G1 Mundo

Duas pessoas morrem em ataque de míssil ucraniano em vilarejo russo, diz governador

today30 de abril de 2023 10

Fundo
share close

Diversos mísseis ucranianos atingiram o vilarejo de Suzemka, localizado a cerca de 10 km da fronteira russo-ucraniana, afirmou Alexander Bogomaz, governador da região de Bryansk Oblast.

“Devido ao ataque infligido por nacionalistas ucranianos, infelizmente dois civis foram mortos”, publicou ele no Telegram.

“Um prédio residencial foi completamente destruído e outras duas casas foram parcialmente danificadas”, ele acrescentou.



No sábado (29), a cidade de Nova Kakhovka, localizada na região de Kherson, no sul da Ucrânia, ficou sem eletricidade após “intensos” disparos de artilharia ucraniana, declararam autoridades locais instaladas pela Rússia.

“Em função dos intensos tiros de artilharia hoje [sábado], Nova Kakhovka ficou sem eletricidade”, indicou em nota a administração militar e civil instalada pela Rússia nesta cidade que somava 45 mil habitantes antes do início da ofensiva russa na Ucrânia, em fevereiro de 2022.

Nuvem de fumaça após incêndio em reservatório de combustível em Sebastopol, em 29 de abril de 2023 — Foto: Reuters

O incêndio começou em um depósito de petróleo em Sebastopol, porto de origem da frota russa do Mar Negro na Crimeia, disseram autoridades locais. “O incêndio ocorre em um depósito de petróleo na baía de Kazatchia (…). De acordo com informações iniciais, foi causado por um ataque de drone”, escreveu no Telegram o governador de Sebastopol, Mikhail Razvojayev, enfatizando que “não havia feridos”.

Na sexta-feira (28), diversos ataques com mísseis de cruzeiro russos, os primeiros em grande escala desde o início de março, atingiram prédios de apartamentos, causando a morte de pelo menos 23 pessoas em Uman (centro), outras duas em Dnipro (centro-leste) e de um homem encontrado sob os escombros de sua casa na província de Kherson (sul).

VÍDEOS: mais assistidos do g1




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

conversa-de-zelensky-e-xi-jinping-abre-novo-capitulo-para-ucrania?-especialistas-opinam

G1 Mundo

Conversa de Zelensky e Xi Jinping abre novo capítulo para Ucrânia? Especialistas opinam

O chinês enfatizou sua posição de viabilizar negociações de paz, ao mesmo tempo prometendo mandar um enviado especial à Ucrânia e manter conversações com todas as partes envolvidas no conflito. Zelensky, por sua vez, qualificou no Twitter a conversa como "longa e significativa": "Acredito que esse telefonema, assim como a indicação do embaixador da Ucrânia na China, dará um ímpeto poderoso ao desenvolvimento de nossas relações bilaterais." Esse contato, o […]

today30 de abril de 2023 11

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%