G1 Mundo

Eleição para presidente da Câmara dos EUA leva 15ª rodadas para ser decidida

today7 de janeiro de 2023 12

Fundo
share close

Pouco antes, também no mesmo dia, a 14ª rodada havia chegado ao fim sem consenso. A Câmara chegou a tentar uma moção para adiar a votação para segunda-feira (9), mas não conseguiu, dando início à nova sessão ainda na madrugada.

A sequência marca o maior número de tentativas de eleger um líder da Câmara desde a década de 1850.

O republicano da Califórnia enfrentou uma divisão partidária entre a maioria dos republicanos da Câmara que o apoia e conservadores linha-dura que foram contra ele nas votações anteriores, mesmo depois que McCarthy ofereceu limitar sua própria influência.



O presidente da Câmara dos Representantes, conhecida como “speaker”, é o terceiro posto mais poderoso na política americana. Essa posição dá a McCarthy autoridade para bloquear a agenda legislativa do presidente Joe Biden, forçar votações para as prioridades republicanas em economia, energia e imigração e avançar em investigações de Biden e seu governo.

Um grupo de republicanos mais conservadores rejeitavam Kevin McCarthy, apoiado pelo ex-presidente Donald Trump, por ser muito moderado. McCarthy já aceitou muitas das demandas destes deputados, mas a oposição à sua candidatura dentro de seu próprio partido seguiu forte.

Sem um líder, a Câmara dos Representantes não pode empossar seus novos membros, decidir os integrantes das várias comissões, apresentar projetos de lei, ou abrir qualquer uma das investigações prometidas contra o governo do democrata Joe Biden.

Em 1923, a última vez que teve esse impasse, foram necessárias 9 rodadas para eleger um líder. A votação de 2023 passou desse patamar e é a mais longa desde 1859, que teve 44 rodadas. O recorde é de 1855, quando teve 133 rodadas em um período de dois meses.

Deputados nos Estados Unidos votam para escolher o próximo presidente da Câmara — Foto: Reuters




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

belicismo-da-coreia-do-norte-reacende-temor-de-guerra-nuclear-na-asia

G1 Mundo

Belicismo da Coreia do Norte reacende temor de guerra nuclear na Ásia

Kim também qualificou a Coreia do Sul como "inimigo indisputável" de seu país e acusou a nação vizinha de obstinação pelo "acúmulo de armas insolente e perigoso". A Coreia do Sul vive à sombra da agressão de seu vizinho do norte desde a década de 1950. Analistas avaliam, no entanto, que as atuais ameaças e provocações vindas de Pyongyang devem ser encaradas com mais seriedade. Segundo o ex-parlamentar sul-coreano Kim […]

today7 de janeiro de 2023 6

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%