Gospel Prime

Especialista alerta contra tratamento para crianças mudarem sexo

today9 de fevereiro de 2023 24

Fundo
share close

Uma das principais especialistas em disforia de gênero na Finlândia, a Dra. Riittakerttu Kaltiala, se pronunciou contra o tratamento de transgêneros para menores, dizendo que a grande maioria das crianças supera a confusão de sexo e gênero.

Dessa forma, a psiquiatra chefe da Universidade de Tampere, lar da maior clínica pediátrica de gênero do país, explicou que quatro em cada cinco crianças que expressam a confusão de gênero superam esses sentimentos na adolescência.

“É por isso que é sábio monitorar a situação, dar à criança paz de espírito e tratar a ansiedade da família e possíveis problemas relacionados”, disse a psiquiatra.

Além disso, Kaltiala está particularmente preocupada com a intervenção precoce enquanto as crianças experimentam “identidades diferentes”, porque elas são “propensas à sugestão”. Ela aponta que durante o processo de desenvolvimento na adolescência, as crianças começam a entender quem elas são.

Segundo a médica, ao permitir que as crianças determinem se devem mudar legalmente seus marcadores sexuais e se submeterem a tratamentos e cirurgias transgêneros, de maioria irreversíveis, os adultos estão impedindo esse processo natural de descoberta e infligindo danos.



“A intervenção precoce envia a mensagem para uma criança de que apenas uma escolha, abraçar o transgênero, é o “caminho certo”, disse ela, de acordo com Faith Wire.

Desse modo, os comentários da psiquiatra acontecem enquanto legisladores finlandeses aprovaram uma lei que permite que pessoas transgêneros com 18 anos ou mais mudem legalmente seus marcadores sexuais em documentos emitidos pelo governo por auto-declaração, sem ter que fornecer avaliações psiquiátricas ou um certificado médico.

Nesse sentido, diversos grupos ativistas, incluindo o Seta, estão pressionando para que a lei inclua menores de idade. No entanto, Kaltiala se opõe à redução do limite de idade, e se pronuncia contra a narrativa em apoio à intervenção precoce para crianças que sugere que, se elas não forem afirmadas em sua identidade sexual escolhida, cometerão suicídio.

“Jovens mentalmente saudáveis que experimentam seu gênero de uma maneira diferente de seu corpo biológico não são automaticamente suicidas”, explicou.




Todos os créditos desta notícia pertecem a Gospel Prime.

Por: Redacao

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

terremoto-na-turquia:-quanto-tempo-e-possivel-sobreviver-sob-escombros?

G1 Mundo

Terremoto na Turquia: quanto tempo é possível sobreviver sob escombros?

Equipes de resgate dos dois países e de todo o mundo estão trabalhando sem parar para remover os destroços de áreas em que há o menor sinal de vida. Mas quanto tempo é possível sobreviver sob os escombros? Segundo especialistas, tudo depende de vários fatores. A posição da vítima no momento do colapso, o acesso ao ar e à água, o clima, as condições meteorológicas e a aptidão física da […]

today9 de fevereiro de 2023 22

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%