G1 Mundo

Estado e instituições saberão dar ‘resposta à altura da gravidade dos crimes cometidos’, diz Mauro Vieira

today9 de janeiro de 2023 24

Fundo
share close

Uma minoria radical de apoiadores do ex-presidente Jair Bolsonaro invadiu e vandalizou o Palácio do Planalto, o Congresso Nacional e o Supremo Tribunal Federal (STF).

Após o ato, o presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, decretou intervenção federal na área de Segurança Pública do Distrito Federal para manter a ordem pública.

“Hoje é um dia que exige de todos os democratas clareza e determinação na defesa do país democrático que soubemos construir. O estado brasileiro e suas instituições saberão dar uma resposta à altura da gravidade dos crimes cometidos”, disse Vieira.



O ministro afirmou também que o “patrimônio de paz e avanço da sociedade brasileira” foi “defendido com pleno apoio da comunidade internacional que foi contundente na condenação ao atos golpistas de 8 de janeiro de 2023”.

O MRE disse ainda que a “melhor maneira do Itamaraty contribuir para a superação deste momento” é mantendo o trabalho e reconstruindo pontes com o mundo.

Veja passo a passo dos atos terroristas contra Congresso, Planalto e STF

Veja passo a passo dos atos terroristas contra Congresso, Planalto e STF

“Manter o trabalho e a reconstrução de pontes com o mundo, missão que nos foi dada pelo presidente Lula, é a melhor maneira do Itamaraty contribuir para a superação deste momento para todos os democratas do Brasil e do mundo”, afirmou.

Em nota emitida nesta segunda-feira (9), o Ministério das Relações Exteriores disse que “tem sido unânime e contundente o repúdio de países e organismos internacionais aos atos de terrorismo e vandalismo que chocaram o Brasil e o mundo” (veja íntegra abaixo).

O MRE também agradeceu “as inúmeras manifestações de apoio e solidariedade da comunidade internacional” e disse que “o Estado brasileiro e suas instituições democráticas saberão, mais uma vez, dar respostas à altura da gravidade dos crimes cometidos”.

A pasta afirmou que “o Governo brasileiro e o Itamaraty seguirão, com determinação, defendendo e atuando de acordo com os preceitos da Constituição de 1988”.

O MRE afirmou também que a posse do presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, no dia primeiro de janeiro, foi uma “festa democrática que contou com a presença expressiva de mais de 60 delegações internacionais de alto nível” e “representou um reconhecimento à solidez das instituições democráticas brasileiras”.

Apesar da depredação registrada na Praça dos Três Poderes, o Itamaraty manteve a agenda oficial prevista para o ministro Mauro Vieira nesta segunda.

Pela manhã, o chanceler se reuniu o ministro de negócios estrangeiros do Japão, Hayashi Yoshimasa.

Brasil e Japão assinaram um Ajuste Complementar ao Acordo Básico de Cooperação Técnica Brasil-Japão sobre Projeto de Aprimoramento da Rede de Monitoramento Genômico para Covid-19.

O Ministério das Relações Exteriores agradece e registra as inúmeras manifestações de apoio e solidariedade da comunidade internacional, pelos mais diversos canais, diante da violência golpista registrada no dia de ontem (8/1) na Esplanada dos Ministérios, em Brasília.

A posse do Presidente Luiz Inácio Lula da Silva, uma festa democrática que contou com a presença expressiva de mais de 60 delegações internacionais de alto nível, representou um reconhecimento à solidez das instituições democráticas brasileiras. No mesmo sentido, desde ontem tem sido unânime e contundente o repúdio de países e organismos internacionais aos atos de terrorismo e vandalismo que chocaram o Brasil e o mundo.

O Estado brasileiro e suas instituições democráticas saberão, mais uma vez, dar respostas à altura da gravidade dos crimes cometidos. O Governo brasileiro e o Itamaraty seguirão, com determinação, defendendo e atuando de acordo com os preceitos da Constituição de 1988, sob a qual o País registra o mais longo período de convivência democrática em sua história republicana.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

prefeitura-de-santos-faz-mudanca-em-secretarias,-com-fusao-de-pastas,-troca-de-nomes-e-novas-atribuicoes;-entenda

G1 Santos

Prefeitura de Santos faz mudança em secretarias, com fusão de pastas, troca de nomes e novas atribuições; entenda

A Prefeitura de Santos, no litoral de São Paulo, publicou nesta segunda-feira (9), no Diário Oficial, a mudança de funções e denominações de secretarias, assim como a troca de responsáveis pelas pastas. Ao g1, o prefeito Rogério Santos (PSDB) afirmou que, apesar das alterações, nenhum cargo público foi criado. Segundo o chefe do Executivo, as mudanças foram feitas a partir das vagas existentes na prefeitura. "Reformulamos em cima do que […]

today9 de janeiro de 2023 33

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%