G1 Mundo

Estrangeiros serão autorizados a deixar Faixa de Gaza pela 1ª vez nesta quarta, diz embaixador

today7 de novembro de 2023 4

Fundo
share close

Segundo Candeas, nenhum brasileiro foi colocado nesta primeira lista, que conta com mais de 480 nomes. Os dados foram divulgados pela autoridade local de Gaza.

Uma fonte ouvida pela agência Reuters afirmou que a abertura da passagem de Rafah para a saída de estrangeiros foi permitida por meio de um acordo mediado pelo Catar com Israel, Egito e o Hamas. Os Estados Unidos coordenaram os esforços.

Além de pessoas de outras nacionalidades, palestinos em grave estado de saúde também serão transportados para fora da Faixa de Gaza. Não há informações sobre por quanto tempo a passagem ficará aberta.



Nesta primeira leva, estão autorizados a deixar a Faixa de Gaza nacionais da Austrália, Áustria, Bulgária, Finlândia, Indonésia, Jordânia, Japão e República Tcheca. Além disso, a lista também traz nomes de integrantes da Cruz Vermelha e de ONGs, segundo Candeas.

“Pela primeira vez estrangeiros são autorizados a sair da Faixa de Gaza. Acredito que em breve novas listas serão publicadas, e espero que nossos brasileiros estejam nelas”, afirmou o embaixador.

O governo brasileiro está articulando com autoridades do Egito e de Israel a saída deste grupo. Um avião da Força Aérea Brasileira, que já está em território egípcio, deve ser usado para a viagem de volta ao Brasil.

VÍDEOS: imagens do conflito entre Israel e Hamas

Estrangeiros poderão deixar Gaza nesta quarta (1); lista inclui 485 pessoas; brasileiros não estão cotados

Estrangeiros poderão deixar Gaza nesta quarta (1); lista inclui 485 pessoas; brasileiros não estão cotados




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

presidencia-brasileira-do-conselho-de-seguranca-da-onu-chega-ao-fim-sem-resolucao-sobre-oriente-medio;-veja-motivos

G1 Mundo

Presidência brasileira do Conselho de Segurança da ONU chega ao fim sem resolução sobre Oriente Médio; veja motivos

Neste mês de novembro, a presidência do conselho, que é rotativa, passa para a China. O g1 ouviu o diplomata Marcos Azambuja, conselheiro do Centro Brasileiro de Relações Internacionais (Cebri) e ex-secretário-geral do Itamaraty, e também o ex-ministro das Relações Exteriores Aloysio Nunes. Alguns pontos levantados por eles para uma resolução não ter passado ainda são: exigências dos EUA a favor de Israel'rivalidade visceral' entre EUA e Rússianão ser possível […]

today7 de novembro de 2023 10

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%