Prefeitura de Guarujá

Fundo Social forma mais de 50 pessoas no curso de panificação

today25 de julho de 2022 69

Fundo
share close

Curso teve duração três meses, qualifica profissionais e capacita agentes multiplicadores na produção de diversos pães e bolos.

A emoção marcou a formatura a 5ª Turma de Panificação do Projeto Padaria Artesanal, do Fundo Social de Solidariedade (FSS) de Guarujá. A cerimônia aconteceu na manhã da última sexta-feira (22), no Teatro Municipal Procópio Ferreira, e certificou 59 alunos. Foi a primeira formatura após dois anos de pandemia. O evento contou com a participação do prefeito de Guarujá, representantes do Poder Legislativo, secretários municipais, além de colaboradores e empresários parceiros.

“O Fundo Social tem proporcionado, além de ajuda para aqueles que mais precisam, conhecimento e oportunidade para que as pessoas possam crescer e ser donas dos seus próprios sonhos”, afirmou o chefe do Executivo.

O presidente do Fundo Social destacou a garra dos formandos e a importância da capacitação como fonte de transformação social.

Panificação



O curso teve duração três meses, qualifica profissionais e capacita agentes multiplicadores na produção de diversos pães e bolos. Durante o período de formação, os alunos aprenderam a fazer uma variedade de quitutes, entre eles pão integral, pão de frios, pão de batata, bolo de laranja, bolo de banana com aveia, entre outras delícias.

Para a professora e coordenadora do curso, Gislaine Zorzato, a capacitação é um divisor de águas. “Não só ensinamos fazer pão, mas transformamos vidas. As pessoas fazem amizades, vencem os seus medos, superam desafios e aprendem a gerar renda”.

E para unir conhecimento e ação, durante a cerimônia, aconteceu uma palestra sobre empreendedorismo, ministrada pelo superintendente de Desenvolvimento da Micro e Pequena Empresa e do Empreendedor Individual, Diego Abreu. Os formandos tiveram dicas de como desenvolver um comportamento empreendedor, bem como dar os primeiros passos para o próprio negócio.

A oradora da turma, Zenaldi Oliveira Duarte, de 61 anos, mora em Santa Cruz dos Navegantes e emocionou o público com um cordel sobre a panificação. “Sempre gostei de fazer trabalho voluntário e atuo também com arte sustentável. Quando surgiu a oportunidade de participar do curso, agarrei. Quero multiplicar para as pessoas do meu bairro tudo o que eu aprendi”, afirmou Zenaldi Duarte.




Todos os créditos desta notícia pertecem a Prefeitura de Guarujá.

Por: Tadeu

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

primeiros-casos-de-variola-dos-macacos-sao-confirmados-no-litoral-de-sp

G1 Santos

Primeiros casos de varíola dos macacos são confirmados no litoral de SP

Um infectado foi diagnosticado em Itanhaém e outro em Praia Grande. Primeiros dois casos de varíola dos macacos são confirmados no litoral de SP — Foto: CDC A Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo confirmou nesta segunda-feira (25) os dois primeiros casos de varíola dos macacos no litoral de São Paulo. Um caso é de Itanhaém e o outro de Praia Grande. De acordo com a Prefeitura de […]

today25 de julho de 2022 11

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%