G1 Mundo

Galvão em Paris, mais de 40 transmissões simultâneas e novo mascote: saiba como será a cobertura da Globo nas Olimpíadas 2024

today20 de junho de 2024 16

Fundo
share close

Neste ano, os telespectadores poderão ter uma experiência ainda mais completa: além de até 12 horas de exibição das competições na TV aberta e de quatro canais dedicados ao esporte olímpico no SporTV, 40 sinais brutos, disponibilizados diretamente pela Olympic Broadcasting Services, estarão disponíveis no Globoplay e no ge.

Isso quer dizer que, além das transmissões nos canais Globo e SporTV, os usuários poderão escolher o que querem assistir em um cardápio de até 40 modalidades olímpicas.

Outro destaque envolvendo tecnologia foi a concepção do estúdio de onde serão ancorados os programas. Tudo será feito aqui do Brasil, diretamente dos Estúdios Globo. Mas, graças ao conceito de realidade estendida e produção virtual, o público terá uma visão privilegiada, como se toda a transmissão estivesse sendo feita de um ponto para lá de nobre da capital francesa: o interior da Torre Eiffel.



Estúdio virtual dos programas da cobertura das Olimpíadas 2024 — Foto: Divulgação / TV Globo

Após 128 anos de história, pela primeira vez, os Jogos Olímpicos terão equidade de gênero entre os atletas (serão 5.250 homens e 5.250 mulheres), e a Globo também terá forte presença feminina em sua cobertura: 43% dos profissionais que estarão em frente às câmeras – entre apresentadoras, comentaristas e repórteres – serão mulheres, sendo três narradoras esportivas.

A “Central Olímpica”, programa que irá ao ar todos os dias durante os Jogos após “Renascer” e trará um resumo do dia de competições, será apresentada por Tadeu Schmidt e Fernanda Garay. O apresentador do “BBB“, inclusive, mandou um recado em vídeo diretamente das férias em família, com um visual barbudo.

Tadeu Schmidt falando sobre a Central Olímpica — Foto: Juliana Maselli / g1

Além de falar um pouco sobre a expectativa para o começo das Olimpíadas, Tadeu teve a missão de apresentar o mascote que estará com ele e Garay todos os dias: o gatinho Petit Gatô.

Petit Gatô — Foto: Divulgação

Quem também estará todos os dias na “Central Olímpica” será um velho conhecido dos brasileiros: Galvão Bueno, que deixou a narração após a Copa do Catar, ficará em Paris durante todo o período de competições e fará uma crônica diária para o programa.

Galvão também fará parte do time da TV Globo que estará na cobertura da cerimônia de abertura dos Jogos, a primeira da história ao ar livre e o jornalista Marcelo Barreto estará ao lado da delegação brasileira no barco que irá desfilar pelas águas do rio Sena.

Veja mais números da transmissão da TV Globo

  • 200 horas de transmissão na TV aberta; entre 10 e 12 horas por dia, das 4h às 18h.
  • Mais de 400 profissionais envolvidas entre Brasil, Paris e Taiti (local onde serão disputadas as provas de surfe).
  • Mais de 100 comentaristas e especialistas no time.
  • 24 narradores – 5 na TV Globo, e 19 no SporTV.
  • Mais de 15 mil horas de conteúdo olímpico desde o fim dos Jogos de Tóquio até o início dos de Paris.
  • 150 m² de telas de LED no estúdio de transmissão para compor modelo hiper-realista.

Renato Ribeiro, diretor de Esporte da Globo; Joana Thimoteo, diretora de Transmissões Esportivas e Gestão de Elenco do Esporte da Globo; Eduardo Gabbay, diretor de Canais Esportivos da Globo; Leonora Bardini, diretora de Programação e Marketing da TV Globo; e a jornalista Karine Alves — Foto: Globo/Helena Barreto




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

video:-menina-desmaia-durante-assinatura-de-lei-que-obriga-exibicao-de-dez-mandamentos-em-escolas-da-louisiana

G1 Mundo

VÍDEO: Menina desmaia durante assinatura de lei que obriga exibição de Dez Mandamentos em escolas da Louisiana

Com a assinatura da lei, válida para todas as salas de aula das escolas públicas --desde jardins de infância até universidades financiadas por dinheiro público --, a Louisiana se tornou o primeiro estado nos Estados Unidos a ter essa exigência. A nova lei, elaborada pelo Partido Republicano, obriga a exibição de um pôster com os Dez Mandamentos em "fonte grande e facilmente legível" em todas as salas de aula públicas, […]

today20 de junho de 2024 5

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%