G1 Santos

Guarujá publica lei específica para instalação de estações para tecnologia 5G

today12 de outubro de 2022 15

Fundo
share close

Previsão é que o serviço esteja disponível na Cidade até meados de 2026. Regras para instalação de antenas e transmissores deve se antecipar ao prazo, devido à complexidade do serviço.

Guarujá publica lei específica para instalação de estações para tecnologia 5G — Foto: Prefeitura de Guarujá



Uma nova lei municipal estabelece as regras de implantação de transmissores e antenas para a receber a tecnologia de internet 5G em Guarujá, no litoral de São Paulo. A lei foi publicada na edição desta terça-feira (11) do Diário Oficial do Município. A previsão é que o serviço esteja disponível na Cidade até meados de 2026.

O prefeito de Guarujá, Válter Suman, sancionou a Lei Municipal 5.057, que estabelece normas gerais urbanísticas para a instalação de estações transmissoras de radiocomunicação (ETRs), antenas, estruturas de suporte e outras regras que vão possibilitar o acesso à recepção de tecnologia de internet 5G.

De acordo com o cronograma da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), que regula o serviço em todo o país, cidades como Guarujá devem receber a nova tecnologia de transmissão de dados até o dia 31 de julho de 2026, mas as regras para instalação de antenas e transmissores deve se antecipar ao prazo, devido à complexidade do serviço.

Segundo a Prefeitura de Guarujá, a legislação determina, por exemplo, que a devida instalação dos equipamentos em bens públicos seja feita através de outorga onerosa dada pelo município. Em relação às estruturas, serão exigidos recuos de no mínimo 5 metros entre a divisa do imóvel vizinho até a face mais próxima do poste ou torre, em escalas que vão variar conforme o porte das estruturas.

A lei proíbe a instalação de ETRs em Áreas de Proteção Ambientais (APAs) ou Áreas de Preservação Permanente (APPs). A medida visa garantir a expansão do serviço, desde que sejam respeitadas as necessárias restrições aos ambientes preservados pelo valor histórico ou ecológico.

A autorização para implantação das Estações será responsabilidade da Secretaria Municipal de Infraestrutura e Obras, em conjunto com a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Secretaria Municipal de Coordenação Governamental e Assuntos Estratégicos, com análise de requisitos básicos a serem atendidos nas fases de construção e instalação.

Todas as instalações deverão observar as normas da ABNT e atender requisitos como o Estudo de Impacto de Vizinhança (EIV) e Plano de Gerenciamento dos Resíduos da Construção Civil, se for o caso. O prazo para apreciação dos pedidos será de, no máximo, 90 dias, a contar da data de protocolo da solicitação.

VÍDEOS: g1 em 1 minuto Santos

Newsletter G1 Created with Sketch.

O que aconteceu hoje, diretamente no seu e-mail

As notícias que você não pode perder diretamente no seu e-mail.

Para se inscrever, entre ou crie uma Conta Globo gratuita.

Obrigado!

Você acaba de se inscrever na newsletter Resumo do dia.

Deseja receber as notícias mais importantes em tempo real? Ative as notificações do G1!




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

motorista-morre-apos-cair-com-caminhao-no-mar-no-porto-de-santos,-sp

G1 Santos

Motorista morre após cair com caminhão no mar no Porto de Santos, SP

Acidente aconteceu nesta quarta-feira (12), em um terminal do cais santista. Motorista morre após cair com caminhão no mar no Porto de Santos, SP Um motorista de caminhão morreu após cair com o veículo no mar, nesta quarta-feira (12), em um terminal no Porto de Santos, no litoral de São Paulo. Conforme apurado pelo g1, o acidente aconteceu durante uma manobra do automóvel no local. Segundo a Marinha do Brasil […]

today12 de outubro de 2022 28

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%