G1 Santos

Homem picha porta de comércio no litoral de SP e tira foto para postar na internet; VÍDEO

today24 de outubro de 2023

Fundo
share close

Um homem pichou a porta de um estabelecimento comercial e, após o crime, fotografou o ‘feito’ em Mongaguá, no litoral de São Paulo. Imagens de uma câmera de monitoramento, que foram obtidas pelo g1 nesta terça-feira (24), mostram toda a ação do criminoso.

No vídeo, é possível observar que o homem estacionou o carro da cor prata na frente do estabelecimento comercial. Em seguida, ele desdeu do veículo, pegou o spray e começou a pichar a porta. Após finalizar, retornou para carro. Minutos depois, o mesmo veículo aparece do outro lado da avenida. Em determinado momento, o homem apareceu fotografando o desenho.

De acordo com a dona do comércio, que preferiu não ser identificada, o estabelecimento fica na Avenida Monteiro Lobato, no bairro Agenor de Campos. A porta estava pintada de branco há quase dois anos. “No sábado (21), pela manhã, vi que estava tudo pichado. Passei o dia procurando imagens das câmeras de monitoramento e imaginei que o crime fosse de madrugada”, contou ela.



Homem pichou porta de estabelecimento e fotografou o ‘feito’ em Mongaguá (SP) — Foto: Reprodução

Ainda segundo ela, o crime aconteceu às 6h06. “Para minha surpresa, os desenhos foram feitos na luz do dia. Eu fui pesquisar o que seriam essas letras FDL, que estão na porta, e descobri que tem páginas nas redes sociais, que os criminosos postam as pichações”. contou. Diante do fato, a mulher registrou boletim de ocorrência.

“Nunca aconteceu isso comigo antes. O que me chocou foi que em nenhum momento ele disfarçou. Saiu do carro, comete o crime e voltou para tirar foto. Como se pichar não fosse crime”.

A mulher explicou ainda que, além da porta branca que foi pichada, ela possui outros pequenos comércios pintados na cor preta. “Eu acredito que ele só pichou essa porta porque ele estava com tinta preta e, nas outras, não ia aparecer. O crime poderia ter sido muito maior”.

A dona do estabelecimento disse que a cidade é pequena, mas que nunca viu o suspeito na região. “Ele está destruindo e vandalizando o patrimônio dos outros. Eu espero que ele não faça com outras pessoas, porque cada vez que isso acontece é um prejuízo de pintor e tinta”.

O g1 entrou em contato com a Polícia Civil, mas não obteve retorno até a última atualização dessa reportagem.

De acordo com o Jusbrasil, a pichação é considerada crime no ordenamento jurídico brasileiro, conforme a lei 9.605/98, artigo 65 e incisos. A pichação é considerada visualmente agressiva, e contribui para a degradação da paisagem urbana, é considerada como um vandalismo sem nenhum valor artístico.

É feita na maioria das vezes em locais proibidos e no período noturno. Por ser considerada como um ataque ao patrimônio público ou privado, é passível de prisão e multa. No Brasil, a pena é de detenção de 3 meses a 1 ano, e multa, para quem pichar ou por qualquer meio conspurcar edificação ou monumento urbano.

Homem picha porta de estabelecimento e fotografa “arte” no litoral de SP — Foto: Arquivo Pessoal

VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

israel-tem-o-direito-de-se-defender-em-busca-da-paz

Pleno News

Israel tem o direito de se defender em busca da paz

HomeOpiniãoMarco FelicianoIsrael tem o direito de se defender em busca da paz Que as autoridades brasileiras se unam aos países democráticos da Europa que apoiam o direito de Israel se defender, da forma que lhes garanta uma paz equilibrada Marco Feliciano - 24/10/2023 14h30 Tropas de Israel Foto: EFE/Atef Safadi Vivemos um momento muito delicado para a paz mundial. E aqui, me refiro ao infame ataque terrorista do último dia […]

today24 de outubro de 2023 8

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%