Gospel Prime

Igreja controlada pelo Partido Comunista da China promove visão socialista

today11 de julho de 2023 2

Fundo
share close

A Igreja Sicheng, uma igreja oficialmente registrada em Hangzhou, na província de Zhejiang, realizou um evento comemorativo marcando a contagem regressiva de 100 dias para os Jogos Asiáticos. No entanto, surpreendentemente, todo o conteúdo do evento não tinha relação com o cristianismo. Como resultado, o pastor Chen Fengsheng, um pastor evangélico da igreja, apresentou sua renúncia recentemente.

A Igreja Sicheng, que tem se alinhado cada vez mais com a agenda política oficial do Partido Comunista Chinês (PCC), decidiu celebrar a contagem regressiva para os Jogos Asiáticos de uma maneira que não refletia a fé cristã. O evento contou com atividades culturais, apresentações de dança e música tradicional chinesa, mas nenhum conteúdo relacionado à fé cristã foi incluído.

A igreja divulgou uma declaração oficial justificando o evento: “Como uma igreja localizada na comunidade Xiaoying Alley de Hangzhou, estamos honrados em poder contribuir para os próximos Jogos Asiáticos”.

A Igreja Sicheng é uma das igrejas cristãs mais antigas em Hangzhou, com uma história de quase um século. Originou-se do trabalho missionário de um casal americano no século XIX e foi estabelecida por um pastor chinês em 1868. Durante a Revolução Cultural, a igreja foi fechada e usada como depósito. Após a implementação de políticas religiosas em 1981, a igreja foi reaberta.

Sob pressão do PCCh, a igreja oficial tem buscado se adequar à política de sinicização. No ano passado, realizaram uma sessão especial para implementar o espírito do 19º Congresso Nacional do PCCh. O pastor Huang Mingke, em seu discurso, enfatizou a necessidade de sinicizar o cristianismo e adaptá-lo à sociedade socialista chinesa.



De acordo com China Aid, pressões políticas têm sido um desafio para os pastores evangélicos, que lutam para manter sua fé e ao mesmo tempo cooperar com o regime. Chen Fengsheng, após sete anos de serviço na Igreja Sicheng, renunciou recentemente, sem fornecer uma explicação oficial. Sua renúncia é vista como resultado do estreitamento do espaço para sua fé e das constantes pressões políticas.

A situação atual revela a dificuldade enfrentada pelas igrejas oficiais na China, que são alvo da chamada “sinicização da religião” e pressionadas a se adaptarem às demandas do regime. Eventos como o realizado pela Igreja Sicheng são apenas exemplos da associação patriótica imposta às igrejas registradas no país.




Todos os créditos desta notícia pertecem a Gospel Prime.

Por: Redacao

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

guaruja-estreia-nos-jogos-regionais-no-futsal-feminino-sub-21

Prefeitura de Guarujá

Guarujá estreia nos Jogos Regionais no futsal feminino sub-21

Vôlei de praia e xadrez completam as modalidades que iniciam na competição nesta sexta-feira (14)  Guarujá participa da 65ª edição dos Jogos Regionais, em São Bernardo do Campo, e a estreia acontece na sexta-feira (14), às 9 horas, com a equipe de futsal feminino sub-21 enfrentando Taboão da Serra. A abertura da competição ocorre nesta sexta-feira (14), também às 9 horas, e o Município disputará em 15 das 26 modalidades. Ainda […]

today11 de julho de 2023 4

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%