G1 Santos

Jovem de 17 anos que ganhou bolsa para aprender inglês na Irlanda conta as experiências mais marcantes: ‘parecia um filme’; VÍDEO

today23 de fevereiro de 2023 8

Fundo
share close

O estudante foi escolhido para a viagem por ter tido o melhor aproveitamento acadêmico entre os inscritos para o programa de intercâmbio do Centro Paula Souza. Ele foi o único aluno da Escola Técnica Estadual (Etec) de Praia Grande, no litoral de São Paulo, a ganhar a bolsa com quase tudo pago.

João Henrique voltou ao Brasil no último domingo (19) e gravou um vídeo onde conta sobre o mês que passou no país europeu. Veja a lista abaixo:

“Vou levá-los para o resto da minha vida”. João Henrique afirma que esse foi um dos pontos altos do intercâmbio. Segundo ele, o colega de quarto, os companheiros de viagem, que vieram de “todos os cantos” do estado de São Paulo, e a mentora do intercâmbio tiveram um papel crucial ao longo do mês que ele passou na Irlanda.



“São pessoas que jamais pensei em conhecer, mas que vão ficar marcadas para o resto da minha vida”.

“Conheci gente da Arabia Saudita, Turquia, Alemanha, França, Chile e Colômbia”, disse o estudante que ganhou bolsa para aprender inglês na Irlanda. — Foto: Arquivo pessoal

9º Lugar: Estrutura do programa

O estudante explicou que os alunos se dividiram em duplas. Ele ficou com o colega Bryan e, segundo ele, ambos se complementavam ao se ajudavam com o inglês e nas aventuras por Dublin.

Além disso, João Henrique contou que eles ainda podiam andar de transporte público sem pagar nada, já que estava incluso na bolsa do programa.

João Henrique Santana ganhou uma pulseira de um famoso estúdio de música em Dublin, que gravou músicas para os Rolling Stones e Ed Sheeran — Foto: Reprodução

Como recordação da viagem, João Henrique disse ter comprado presentes como chaveiros, camisas e bonés que representam o país. “Comprei um globo de neve do ‘Saint Patricks’, que é um símbolo da Irlanda”, disse.

Ele disse ter ganhado uma pulseira de um famoso estúdio de música em Dublin, que já fez gravações, inclusive, de Rolling Stones e Ed Sheeran.

O jovem contou ter aprendido muito ao longo de um mês de programa, principalmente por ter precisado “se virar” no país. “Amadureci muito. Ter essa experiência foi maravilhosa”.

6º Lugar: Pontos turísticos

Assim que soube que iria para a Irlanda, João Henrique pesquisou fotos e vídeos de diversos pontos turísticos do país. “Quando você presencia e vai até esses lugares é incrível. Até brincava, porque parecia que eu estava em um filme”.

Ele listou os principais locais visitados: Garden of Remembrance – Children of Lir, EPIC The Irish Emigration Museum, National Botanic Gardens, Cliffs of Moher, Dublin Castle, The Gardens at the Royal Hospital Kilmainham e Giants Causeway.

Assim que soube que iria para a Irlanda João Henrique Santana pesquisou fotos e vídeos de diversos pontos turísticos do país — Foto: Arquivo Pessoal

Uma das primeiras cenas presenciadas ao chegar a Dublin foi uma manifestação a favor da Ucrânia, que está guerra contra a Rússia. “É um país que está muito inteirado às diversas causas e brigas”. Ele conta que artes, pinturas, escritas e bandeiras estão presentes nas ruas de Dublin em protesto.

4º Lugar – Recepção dos irlandeses

Para João Henrique, a boa recepção dos irlandeses foi um diferencial no intercâmbio, principalmente com os turistas que não falam o inglês com fluência. “São pessoas de diversas partes do mundo e os irishs [irlandeses em inglês] recepcionam os estrangeiros muito bem”.

3º Lugar: Imersão cultural

“Conheci uma cultura totalmente diferente da minha. Nunca tinha saído do país”. Ele brinca que durante o último mês comeu batata de todas as formas possíveis. O tubérculo é um dos alimentos mais populares da culinária do país.

Além disso, ele ainda pegou o final do inverno no continente europeu. A temperatura mínima que João Henrique presenciou foi de -2°C. “Vivi tudo que os irlandeses estão habituados a viver”, conta.

2° Lugar: Conhecer pessoas

João disse que, nas aulas de inglês, alunos dos mais diversos cantos do mundo eram reunidos na mesma sala. “Conheci gente da Arabia Saudita, Turquia, Alemanha, França, Chile e Colômbia”, lembrou. Era durante o curso que eles interagiam e compartilhavam curiosidades dos próprios países. “Foi muito legal descobrir novas culturas”.

O jovem cursa o técnico em Logística integrado ao Ensino Médio na Etec de Praia Grande, no litoral de SP. — Foto: Arquivo Pessoal

1º Lugar: Desenvolvimento do idioma

O intuito do curso sempre foi aprender o inglês através da vivência em outro país. O estudante precisou fazer uma prova antes do intercâmbio para avaliar em qual nível ele estaria em sala de aula, porém, segundo ele, viver o idioma o ajudou bastante a se desenvolver. “Percebi que eu ainda tenho muito a aprender”.

João Henrique Santana, de 17 anos, foi o único aluno escolhido da Escola Técnica Estadual (Etec) de Praia Grande, no litoral de São Paulo, para ganhar uma bolsa para um curso de inglês na Irlanda. — Foto: Arquivo Pessoal

VÍDEOS: Mais assistidos do g1 nos últimos 7 dias




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

‘ninguem-ouve-nossas-vozes’:-os-afegaos-que-fugiram-do-taliba-e-hoje-vivem-nas-ruas-de-bruxelas

G1 Mundo

‘Ninguém ouve nossas vozes’: os afegãos que fugiram do Talibã e hoje vivem nas ruas de Bruxelas

Infelizmente, não se trata de um sonho realizado ao final de sua fuga assustadora até o outro lado do mundo. É um pesadelo sem fim. Petit Chateau, que significa pequeno castelo, é um centro de recepção do governo que muitas vezes faz de tudo, menos acolher os recém-chegados. Na Rue des Palais – rua dos palácios – está a ocupação mais precária da cidade, onde o cheiro de urina e […]

today23 de fevereiro de 2023 11

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%