G1 Santos

Justiça condena trio por ajudar assassino que marcou hora com vítima no litoral de SP

today4 de julho de 2024 4

Fundo
share close

Além de Matheus, que teve a punibilidade extinta pela Justiça, a polícia constatou o envolvimento de Ricardo Jorge Ribeiro Gomes, de 32 anos, Alexsandro Alves Souza, de 27, e Aline Aparecida Mota Ricardo, de 35, no latrocínio.

Matheus Quintino dos Santos, de 25 anos, morreu após tentar assaltar policiais em São Vicente — Foto: Reprodução



Durante o inquérito policial, os agentes apuraram que Ricardo e Alexsandro esperaram Matheus do lado de fora do prédio comercial para dar cobertura ao crime. Eles ainda foram responsáveis por buscar o celular roubado durante o assalto em um galpão, pois o aparelho foi dispensado por Matheus na fuga.

Enquanto isso, Aline teria emprestado a moto e o capacete utilizados por Matheus no dia do crime. Após o roubo, ela ainda registrou um boletim de ocorrência por furto do veículo, a mando do atirador que abandonou a moto (veja abaixo).

Atirador mandou Aline registrar queixa por furto da moto que havia emprestado para ele. — Foto: Reprodução

Durante a audiência de instrução e julgamento, Ricardo foi interrogado e negou a participação no crime. Porém, o juiz Walter Luiz Esteves de Azevedo, da 5ª Vara Criminal de Santos, não considerou a versão dele.

Ricardo, Alexsandro e Aline foram condenados pelo envolvimento no latrocínio em Santos. — Foto: Reprodução

“A artificialidade é evidente”, escreveu na sentença publicada no último dia 26 de junho. Conforme apurado pelo g1, Aline e Alexsandro não foram ouvidos, pois não cumpriram a ordem de prisão preventiva.

De acordo com a sentença, Ricardo e Alexsandro tinham antecedentes criminais e foram condenados por latrocínio a 29 anos e dois meses de prisão em regime fechado.

O juiz reconheceu a “participação de menor importância” de Aline no crime, por isso, condenou a ré a 16 anos de prisão em regime fechado pelo assalto. Ela ainda terá que cumprir um mês de detenção em regime inicial semiaberto por comunicar falsamente um crime [furto da moto] à polícia.

Dentre os condenados, apenas Ricardo já cumpre a pena.

O empresário Thiago morreu e o irmão dele foi baleado na virilha durante o assalto à loja de celulares da dupla, em um prédio comercial na Avenida Conselheiro Nébias.

Imagens de câmera de monitoramento mostram o suspeito vestido de branco, com boné e máscara entrando no prédio no dia 1 de fevereiro de 2023 (assista abaixo).

Segundo a mãe dos dois jovens baleados, o criminoso marcou um horário para ser atendido e comprar um celular na loja localizada no 10º andar do Edifício Legacy Tower. “Agendou para pegar um IPhone 14 e deu dois tiros”, disse , Patrícia Varvello Nasser, na época.

Criminoso que matou dono de loja durante assalto é filmado passando embaixo de catraca

Criminoso que matou dono de loja durante assalto é filmado passando embaixo de catraca

VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

bisavo-de-crianca-espancada-e-atirada-na-parede-por-padrasto-pede-que-neta-seja-condenada

G1 Santos

Bisavó de criança espancada e atirada na parede por padrasto pede que neta seja condenada

A jovem foi presa depois que o namorado, de 18, confessou ter espancado e atirado o filho dela contra a parede. O casal levou a criança até o Hospital Vicentino na madrugada da segunda-feira (1º), mas, ao suspeitar de maus-tratos, a equipe médica acionou a Polícia Militar. Devido às fraturas na cabeça e outras lesões, o menino sofreu um traumatismo cranioencefálico grave e entrou em coma induzido na Santa Casa […]

today4 de julho de 2024 4

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%