G1 Santos

Mãe de criminoso que fez funcionária de shopping refém testemunhou feminicídio do filho contra a ex-mulher

today10 de fevereiro de 2023 23

Fundo
share close

O crime aconteceu no portão da casa de Felipe, no bairro Brasilândia, na Zona Norte de São Paulo, no dia 19 de dezembro. A vítima, que na época tinha 25 anos, levou seis tiros e teve a morte confirmada no Hospital Geral de Taipas. O caso foi registrado na 4ª Delegacia de Defesa da Mulher (DDM-Norte).

A mãe do suspeito, de 48 anos, confirmou à polícia, em depoimento feito no dia do crime, que ele foi o responsável pela morte. Segundo o relato, registrado em Boletim de Ocorrência (BO), Felipe morava com ela no imóvel após ter separado da ex-companheira, com quem teve dois filhos em um relacionamento de cinco anos.

Criminosos são presos após manter funcionária de joalheria refém por duas horas em shopping no litoral de SP — Foto: Alexsander Ferraz/A Tribuna Jornal



Segundo registrado no boletim de ocorrência, a mãe revelou que estava no imóvel com o filho na data do crime, quando a ex-companheira dele chegou para buscar o filho mais novo, que tinha passado o fim de semana com o pai. Naquela hora, ela relatou ter ouvido disparos do lado de fora da casa e, quando saiu, encontrou a ex-companheira de Felipe no chão. Ele estava em pé e armado.

A mãe de Felipe contou à corporação, ainda, que questionou o que ele teria feito, mas o filho “saiu correndo” sem respondê-la. Ela afirmou que não sabia que o filho tinha uma arma de fogo em casa e que, após a fuga dele, chamou um vizinho para levar a vítima ao hospital.

A motivação para o feminicídio não foi divulgada. Porém, o g1 apurou que a vítima chegou a registrar, em fevereiro do ano passado, um boletim de ocorrência por violência doméstica, que seria resultado de uma crise ciúme de Felipe. O relato à polícia aconteceu na mesma delegacia e, na ocasião, o homem foi indiciado.

Ainda segundo apurado pelo g1, o Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJ-SP) decretou a prisão preventiva de Felipe em dezembro de 2022.

Bandido mantém funcionária refém com a arma na cabeça em shopping no litoral de SP — Foto: Reprodução

Crimes anteriores de Felipe

Segundo a TV Tribuna, emissora afiliada à Rede Globo, Felipe teria cometido o primeiro crime em 2013, quando tinha apenas 15 anos. Na ocasião, ele teria participado de um assalto a um carro junto com outro adolescente – a cidade em que o caso ocorreu não foi informada.

Três anos depois, quando tinha 18, ele foi preso e condenado a cinco anos e meio de detenção por participar de organização criminosa, roubar e corromper menores de idade.

Entenda o caso do shopping

Os criminosos armados fizeram a funcionária da Vivara refém dentro da Pernambucanas. Segundo apurado pelo g1, dois bandidos roubaram a joalheria e, após o alarme do estabelecimento soar, correram para a loja de departamentos com a vítima.

A reportagem foi informada que muitas lojas no Litoral Plaza Shopping colocaram os funcionários para dentro e fecharam as portas.

Durante a negociação com os policiais, o homem chegou a exigir a presença de emissoras de televisão. Ele queria aparecer ao vivo como garantia de que não seria morto. Após duas horas de negociação, o casal libertou a refém e se rendeu à Polícia Militar.

Crime aconteceu em shopping de Praia Grande (SP) — Foto: Alexsander Ferraz/A Tribuna Jornal

Em nota, a Pernambucanas confirmou a ocorrência, disse que segue à disposição das autoridades e que contribuirá com as investigações.

A Vivara disse, em nota, lamentar o que aconteceu e informou já ter prestado toda assistência aos colaboradores. A empresa disse, ainda, estar à disposição das autoridades policiais para apoiar nas investigações.

Consumidores vivem momentos de tensão durante roubo dentro de shopping em Praia Grande

Consumidores vivem momentos de tensão durante roubo dentro de shopping em Praia Grande

O Litoral Plaza Shopping confirmou por meio de nota, que houve uma tentativa de assalto à mão armada em uma joalheria.

A incursão foi percebida pela gerente do estabelecimento que acionou o botão de pânico, um equipamento de segurança disponibilizado pelo empreendimento a todos os lojistas. A equipe de segurança do shopping atendeu ao chamado e comunicou à Polícia Militar.

Policiais militares negociam com criminosos a soltura de refém em shopping de Praia Grande — Foto: Reprodução

“Felizmente, graças à eficiência do sistema e protocolos de segurança adotados pelo shopping e o trabalho em conjunto com as autoridades policiais, o plano de assalto foi frustrado, sem feridos, com a prisão dos três envolvidos”, informou o shopping.

A administração do Litoral Plaza Shopping disse ainda que lamenta profundamente o episódio e o transtorno causado pelos assaltantes aos clientes, lojistas e colaboradores e reforça seu comprometimento com a segurança dos frequentadores.

VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

cliente-se-depara-com-larvas-vivas-ao-morder-pao-recheado-no-litoral-de-sp;-video

G1 Santos

Cliente se depara com larvas vivas ao morder pão recheado no litoral de SP; VÍDEO

Uma mulher ficou enjoada após morder um lanche e perceber que estava cheio de larvas. A cliente, de 24 anos, comprou o pão recheado de alho-poró em uma padaria em Santos, no litoral de São Paulo. A padaria afirma que, em mais de 50 anos de funcionamento, essa foi a primeira vez que o local passa por essa situação, descrita pelo comércio como 'fatalidade'. A cliente não quis ser identificada, […]

today10 de fevereiro de 2023 14

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%