G1 Santos

Mansão de Pelé avaliada em R$ 8 milhões tem R$ 400 mil em dívida de IPTU e foi penhorada; entenda

today29 de junho de 2024 2

Fundo
share close

O advogado de Edinho, filho de Pelé e responsável por administrar os bens deixados pelo pai, contrariou as versões de moradores locais ouvidos pela equipe de reportagem e afirmou que o imóvel não está abandonado. O g1 entrou em contato novamente com a defesa para um posicionamento sobre as dívidas, mas não obteve retorno.

A mansão, que tem 3.849,5 m², ocupa um quarteirão na Praia de Pernambuco. A casa foi a penúltima residência de Pelé antes do ex-jogador morar com a esposa, Márcia Aoki, em um imóvel no Jardim Acapulco, na mesma cidade. Apesar da mudança, o Rei continuou a frequentar o local.

O cenário atual da casa conta com sinais de abandono, deterioração devido ao tempo e destruição por vandalismo. Além disso, a situação nos documentos do imóvel também chama atenção. Há uma dívida de R$ 452.102,54 de IPTU junto à Prefeitura de Guarujá.



Pelé na casa em Guarujá, em 1980 (à esq.). Situação atual do imóvel (à dir.) — Foto: Arquivo/A Tribuna e imagens cedidas ao g1 Santos

Ainda mais, a mansão está no nome de uma das empresas de Pelé e foi colocada como penhora, ou seja, uma forma de garantia, de uma dívida de uma outra instituição do ex-jogador. O valor da ação, que não foi especificada no documento, é de R$ 7 milhões.

Ao g1, o advogado Thyago Garcia explicou que o imóvel penhorado deve ser levado a hasta pública [leilão]. Não há, porém, um prazo para que isto aconteça.

“Ele [proprietário] é devedor e o imóvel está como garantia daquela dívida. Muito em breve aquele imóvel vai ser levado a hasta pública, a leilão”, explicou o especialista.

Ainda de acordo com o advogado, a penhora não impede a venda. Porém, o comprador deve ter consciência de que o imóvel serve como ‘garantia’ de uma dívida. Thyago Garcia acrescentou que o fato do casarão de Pelé estar em espólio [patrimônio do morto] também não é um impedimento.

Vídeo mostra mansão milionária de Pelé que está em estado de abandono, em Guarujá (SP)

Vídeo mostra mansão milionária de Pelé que está em estado de abandono, em Guarujá (SP)

O local que foi cenário de muitos momentos na vida de Pelé se tornou alvo de ladrões. Segundo moradores, criminosos usaram as árvores ao redor para invadir a casa e furtar fios de cobre. A residência, que antes tinha um transformador de energia exclusivo, hoje está sem luz.

Ainda de acordo com os relatos, funcionários da mansão foram demitidos após a morte do Rei, dando início aos sinais de abandono do imóvel.

Edson Cholbi do Nascimento, o Edinho, é o inventariante, ou seja, responsável por administrar os bens de Pelé. O advogado Augusto Miglioli, que representa o filho do Rei, alegou que a casa foi desocupada e os funcionários foram demitidos com o Atleta do Século ainda vivo. A defesa destacou que estes fatos não foram influenciados pela morte dele.

Imagem Reprodução Imagem Reprodução

Antes e depois da casa de Pelé na Praia de Pernambuco, em Guarujá (SP) — Foto 1: Reprodução — Foto 2: Reprodução

O g1 esteve em frente à casa onde Pelé colecionou momentos com a família e amigos. É possível ver o estado de abandono mesmo de longe. O mato, aparentemente sem ser aparado há meses, esconde parte da mansão. De perto, o interfone sem botão, além de ferrugem nos portões e teias de aranha espalhadas pela construção.

Outras imagens, enviadas à equipe de reportagem, mostram o interior da casa. Assim como na fachada, o mato também cresce no jardim presente na sala e, principalmente, na parte externa, de forma que quase não dá para ver o que já foi um campo de futebol. A água da piscina apresenta coloração esverdeada, e a área interna não tem mais itens pessoais do Rei.

À esquerda, mansão de Pelé em Guarujá (SP), em 2013. À direita, situação atual. — Foto: Imagens cedidas ao g1 Santos e Fábio Motta/Estadão Conteúdo

Conforme apurado pelo g1, a casa foi a penúltima residência de Pelé antes de ele morar com a esposa, Márcia Aoki, no Jardim Acapulco, na mesma cidade. O último imóvel tinha um elevador para facilitar a locomoção do ex-jogador, que estava restrita.

A mansão, que apresenta sinais de abandono, ocupa um quarteirão na Praia de Pernambuco e foi projetada em um outro momento da vida do Rei do Futebol. Pelé fez confraternizações com amigos e deu festas para celebridades no casarão, que tem piscina, quadra de tênis, bar e até campo de futebol.

A viúva Márcia abriu mão de ser a inventariante do Rei do Futebol. Por este motivo, o filho Edinho assumiu o posto.

O advogado afirmou que a residência possui problemas estruturais, mas ressaltou que estes “já estão sendo cuidados”.

Casa de Pelé na Praia de Pernambuco, em Guarujá (SP), está em estado de abandono — Foto: Reprodução

“A ação dos vândalos ocorre em um momento de reestruturação e diz respeito à ausência de segurança naquele local. No mais, todos esses pontos estão sendo cuidados pelo Espólio [conjunto de bens]”, explicou o advogado.

Márcia e Pelé durante o casamento celebrado em 2016 — Foto: Divulgação

Filhos de Pelé com Rosemeri dos Reis Cholbi (1º casamento):

  • Edson Cholbi Nascimento, o Edinho
  • Kely Cristina Cholbi Nascimento
  • Jeniffer Cholbi Nascimento

Filhas reconhecidas pelo Pelé:

  • Flávia Kurtz Arantes do Nascimento
  • Sandra Regina Arantes do Nascimento Felinto

Filhos de Pelé com Assíria Nascimento (2° casamento):

  • Joshua Seixas Arantes do Nascimento
  • Celeste Seixas Arantes do Nascimento

No caso de Sandra, que já é falecida, Octavio Felinto Neto e Gabriel Arantes do Nascimento Felinto, netos de Pelé, dividirão entre si a parte da herança dela.

  • A enteada de Pelé, Gemima Lemos Macmahon, que é filha de Assíria e irmã de Joshua e Celeste, entrou com um pedido para que seja reconhecida como filha socioafetiva de Pelé e, dessa forma, considerada como herdeira.

Filhos de Pelé e a enteada dele, Gemima Macmahon — Foto: Reprodução/Instagram

VÍDEOS: g1 em 1 minuto Santos




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

‘the-new-york-times’,-‘the-wall-street-journal’-e-‘the-economist’-pedem-que-biden-desista-da-candidatura-a-presidencia-dos-eua

G1 Mundo

‘The New York Times’, ‘The Wall Street Journal’ e ‘The Economist’ pedem que Biden desista da candidatura à presidência dos EUA

Nos editoriais, as publicações expressam preocupação com ameaças à democracia que poderiam representar um eventual novo mandato de Donald Trump e dizem achar que Biden não conseguiria derrotar o adversário -- os dois concorrem à presidência nas eleições deste ano, que acontecem em 5 de novembro. Biden, de 81 anos, teve um desempenho ruim no primeiro debate eleitoral para as eleições de 2024 com o candidato republicano, o ex-presidente Donald […]

today28 de junho de 2024 5

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%