Notícias

Médico de Biden diz que presidente se consultou com neurologista em exame anual: ‘Nada foi encontrado’

today9 de julho de 2024 4

share close

Kevin O’Connor, médico de Joe Biden, afirmou nesta segunda-feira (8) que o presidente dos Estados Unidos fez uma consulta com um neurologista especialista em Parkinson durante um exame de rotina anual. Ainda segundo o profissional, nenhuma anormalidade foi detectada na saúde de Biden.

No comunicado divulgado pela Casa Branca, o médico do presidente justificou que Biden faz exames anuais que incluem especialistas em diversas áreas, como odontologia, cardiologia, dermatologia e medicina do sono.

O’Connor disse ainda que Cannard é o especialista consultado por Biden durante os exames neurológicos anuais. Ele descartou que o presidente tenha feito consultas com outros neurologistas fora do exame anual.



“Um exame neurológico extremamente detalhado foi mais uma vez tranquilizador, pois nada foi encontrado em relação a qualquer distúrbio cerebral ou outro distúrbio neurológico central, como acidente vascular cerebral, esclerose múltipla, doença de Parkinson ou esclerose lateral ascendente”, disse.

O médico afirmou que os exames demonstraram que Biden não tem nenhuma fraqueza motora ou tremores. Por outro lado, o presidente teve sintomas de neuropatia periférica em ambos os pés, o que pode causar dormência ou formigamentos.

“Atender pacientes na Casa Branca é algo que o Dr. Cannard vem fazendo há doze anos. Cannard foi escolhido para esta responsabilidade não porque seja um especialista em distúrbios do movimento, mas porque é um neurologista altamente treinado e conceituado”, afirmou O’Connor.

As condições físicas e mentais de Biden foram colocadas em dúvida após o desempenho ruim que o presidente teve durante um debate eleitoral com Donald Trump, no fim de junho. Desde então, ele vem enfrentando pressão para desistir da candidatura.

As visitas feitas pelo médico especialista em Mal de Parkinson à Casa Branca, reveladas nesta segunda-feira, abriram um novo episódio no caso que envolve a saúde de Biden e as eleições norte-americanas.

Após a publicação da reportagem, a porta-voz da Casa Branca, Karine Jean-Pierre, negou que Biden tenha Parkinson e disse que o presidente não está sendo tratado para a doença.

“O presidente foi tratado para Parkinson? Não. Ele está sendo tratado para Parkinson? Não, ele não está. Ele está tomando medicação para Parkinson? Não,” disse.

Karine não explicou a presença do médico na Casa Branca, mas sugeriu que poderia estar relacionada ao tratamento de alguns dos militares que trabalham no complexo.

Ainda não se sabe o especialista voltou à Casa Branca outras vezes entre março e julho, já que os registros mais recentes não foram divulgados pelo governo até o momento.

VÍDEOS: mais assistidos do g1




Todos os créditos desta notícia pertecem a Notícias.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

santos-recebe-recursos-de-r$-10,4-milhoes-para-obras-de-contencao-de-encostas

G1 Santos

Santos recebe recursos de R$ 10,4 milhões para obras de contenção de encostas

Locais foram escolhidos com base nos níveis de risco. Santos recebe recursos para obras de contenção de encostas — Foto: Divulgação/Arquivo Prefeitura de Santos A Prefeitura de Santos, no litoral de São Paulo, firmou um contrato de R$ 10,4 milhões com a Caixa Econômica Federal para o financiamento de três obras de contenção de encostas na cidade. De acordo com a administração municipal, o empréstimo se dará via Novo Programa […]

today9 de julho de 2024 4

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%