G1 Mundo

Ministério Público vai investigar Zúñiga e tentativa de golpe de estado na Bolívia

today27 de junho de 2024 4

Fundo
share close

Na mensagem, a instituição informou que ordenou a instauração da investigação criminal contra o General Juan José Zúñiga, ex-comandante do exército e possível responsável por arquitetar a tentativa de golpe.

Ele era o comandante-geral do exército do país, mas foi destituído do cargo ao afirmar que prenderia Evo Morales caso o ex-presidente, que vai concorrer às eleições no país em 2025, volte a se eleger.

A instauração da investigação criminal contra o General Juan José Zúñiga e todos os demais participantes dos fatos ocorridos e que constituem infrações penais, prevê ainda o desenvolvimento de todos os esforços necessários à obtenção dos elementos de condenação, bem como a expedição dos requerimentos, intimações, despachos e resoluções devidamente fundamentadas que correspondam ao esclarecimento do fato investigado e à imposição da sanção máxima ao os responsáveis”, cita a nota oficial.



Juan José Zuñiga era o comandante geral do exército do país, mas foi destituído do cargo após declaração sobre uma possível nova candidatura de Evo Morales à Presidência.

Ele, que foi à praça Murillo, em frente ao palácio presidencial, disse a TVs locais que o movimento era uma “tentativa de restaurar a democracia” na Bolívia e de libertar prisioneiros políticos.

Um vídeo que circula nas redes sociais mostra Arce, que estava no palácio presidencial, confrontando Zuñiga após a invasão ao palácio. Na discussão, o presidente ordena que o ex-comandante do Exército desmoralize as tropas.

A Suprema Corte da Bolívia também condenou a tentativa de golpe e pediu à comunidade internacional que se mantenha “vigilante e apoio a democracia na Bolívia”

Tentativa de golpe na Bolívia 26 de junho de 2024 — Foto: Diego Torrico/Arquivo pessoal




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

Notícias

Bolívia já teve 194 tentativas de golpe na história, diz pesquisador

A tentativa de golpe, segundo o governo, foi arquitetada pelo general Juan José Zuñiga, que foi afastado do cargo de comandante do Exército após fazer ameaças ao ex-presidente Evo Morales -- ele afirmou que prenderia Morales caso o ex-presidente volte ao poder. (Leia mais abaixo) "A Bolívia tem 193 golpes ou tentativas de golpe de Estado em sua história. Hoje foi a de número 194 e pelo que estamos vendo ela deu errado. Que bom que deu errado, a democracia […]

today27 de junho de 2024 7

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%