G1 Santos

Ministro Silvia Costa Filho garante que Porto de Santos não será privatizado e anuncia investimentos

today27 de outubro de 2023 7

Fundo
share close

A decisão impede que a gestão do complexo portuário seja desestatizada, que era o objetivo do governo anterior. De acordo com o ministro, o capital privado será atraído para investimentos por meio de Parcerias Público Privadas (PPPs). Ele estima, inclusive, que o Porto de Santos receba investimentos de R$ 13,4 bilhões em um período de oito a dez anos.

A construção do túnel Santos-Guarujá, por exemplo, será viabilizada por meio de uma PPP e também terá recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). Conforme apurado pela TV Tribuna, o anúncio da ligação seca deve ser feito em novembro.

Durante a visita a Santos, Silvio Costa Filho também confirmou R$ 400 milhões para obras como a Perimetral da Margem Esquerda do Porto e R$ 6 bilhões em dragagem por meio de PPPs.



A secretária Nacional de Portos e Aeroportos, Mariana Pescatori, deputados federais e os prefeitos Rogério Santos e Válter Sumam, de Santos e Guarujá, respectivamente, acompanharam a visita do ministro.

Agenda do ministro Silvio Costa Filho contou com presença de diversas autoridades — Foto: Ewerton Melo/Autoridade Portuária de Santos

O ministro ainda falou sobre as obras que permitirão a abertura do Aeroporto Metropolitano de Guarujá para voos comerciais.

“Se Deus quiser, agora, início de dezembro, nós deveremos voltar a Santos para a gente poder dar a ordem de serviço do Aeroporto de Guarujá, que será fundamental para a região, com investimentos na ordem de mais de R$ 25 milhões”, afirmou, em coletiva de imprensa.

São Vicente e Praia Grande

De acordo com a Autoridade Portuária de Santos (APS), o ministro também confirmou a extensão da Poligonal do Porto para território vicentino e para Praia Grande, com objetivo de incentivar as hidrovias e atividades retroportuárias.

Costa Filho ainda assinou como testemunha o convênio da Prefeitura de Santos com a Autoridade Portuária de Santos, que garante a transferência de R$ 40 milhões para a implantação do Parque Valongo.

“É preciso que cada vez mais a gente traga investimentos e ações para Santos, para fazer com que, a partir daí, a gente vá melhorando e ampliando a governança e investimentos nas nossas docas e fazendo um conjunto de investimentos também”, enfatizou.

Outro anúncio de Costa Filho foi em relação à delegação de competência à Autoridade Portuária para licitar, gerir e decidir sobre outorgas e demais providências que hoje dependem de Brasília.

Segundo a APS, esta era uma demanda antiga da comunidade portuária. “As ações do ministro farão o Porto de Santos crescer ainda mais, gerando empregos e riqueza para o Brasil”, enfatizou o presidente da APS, Anderson Pomini.

VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

aguapehu-construtora-antecipa-futuro-sustentavel-no-litoral-sul

G1 Santos

Aguapehú Construtora antecipa futuro sustentável no litoral sul

“Eu trabalhava no setor de planos odontológicos, até abraçar esse novo ramo, em que vi potencial. Foi uma época em que meu irmão Rodrigo já tinha desistido do futebol – ele chegou a jogar no Santos e foi muito bem no esporte, dos seis aos 18 anos. Depois disso, teve uma série de lesões e desistiu da carreira. Foi para o ramo de construção com um sócio e eu percebi […]

today27 de outubro de 2023 1

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%