G1 Santos

MP denuncia criminosos pela prática do golpe do ‘falso familiar’; entenda

today28 de setembro de 2023 3

Fundo
share close

Um grupo criminoso composto por oito pessoas de São Vicente, no litoral paulista, foi denunciado pelo Ministério Público de São Paulo (MP-SP) por aplicar o ‘golpe do falso familiar do WhatsApp‘. A Polícia Civil registrou 24 Boletins de Ocorrência de pessoas lesadas — somado, o prejuízo chega a R$ 155 mil. O perfil preferido dos criminosos: mulheres idosas.

O g1 teve acesso, nesta quinta-feira (28), ao documento do MP-SP. Nele, consta que a quadrilha atuou em diversas cidades do estado entre 2021 e 2023 — período referente aos BOs registrados. O caso foi investigado pela Polícia Civil de Itapeva (SP), cidade com seis das 24 vítimas.

A polícia identificou que uma família comandava o esquema criminoso. Mãe, filha, dois filhos e marido [padrasto] contavam com três ‘conteiros’ para receber o dinheiro das vítimas. Os oito foram denunciados pelo MP-SP em 3 de setembro.



O promotor de Justiça de Itapeva (SP), Fabrício Pereira de Oliveira, que é o responsável pela denúncia, citou no documento ter ficado evidente a ação criminosa praticada pelo grupo. O órgão teve acesso ao banco de dados das vítimas em poder dos criminosos.

Para o MP-SP, portanto, os denunciados integram uma organização criminosa estruturada, com o objetivo de praticar crimes de estelionato por fraude eletrônica e lavagem de dinheiro. No momento, dois filhos estão foragidos; mãe e filha estão em liberdade provisória; o marido [padrasto] está preso e, dos ‘conteiros’: um está foragido, uma em liberdade provisória e outro preso.

De acordo com relatórios da investigação, os denunciados praticavam o ‘golpe do falso familiar do WhatsApp’. Entenda a dinâmica do grupo:

  1. Escolha da vítima.
  2. Busca nas redes sociais imagens de um familiar do alvo
  3. Habilita linhas de celulares com o mesmo DDD da vítima.
  4. Cria contas bancárias para receber as transferências
  5. Entra em contato com a vítima pedindo ajuda financeira para despesas pessoais
  6. Solicita valor entre R$ 1 mil e R$ 5 mil via Pix.

As investigações foram conduzidos pela Polícia Civil de Itapeva (SP), que recorreu ao monitoramento de Estações Rádio Base, que fazem a conexão entre celulares e a companhia telefônica, assim como dois códigos IMEI das linhas usadas nos golpes para localizar e prender os membros.

'Hacker do bem' dá 5 dicas para proteger seus dados na internet

‘Hacker do bem’ dá 5 dicas para proteger seus dados na internet

VÍDEOS: Mais assistidos do g1 nos últimos 7 dias




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

guaruja-promove-acoes-em-alusao-ao-outubro-rosa-na-segunda-feira

Prefeitura de Guarujá

Guarujá promove ações em alusão ao Outubro Rosa na segunda-feira

Com o tema: “A mama é minha. A causa é nossa”, programação inicia às 8 horas, com aulão na Praia Com o propósito de conscientizar sobre o câncer de mama e de colo de útero, a Prefeitura de Guarujá realiza, nesta segunda-feira (2), atividades em alusão à campanha Outubro Rosa. O local escolhido é a Praia da Enseada, em frente à Praça Horácio Lafer, que a partir das 8 horas […]

today28 de setembro de 2023 10

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%