G1 Mundo

Mulher que morreu em queda de avião em Washington havia sido adotada aos 40 anos por família que perdeu outra filha

today6 de junho de 2023 28

Fundo
share close

Segundo o jornal “The Washington Post”, uma delas é Adina Azarian, filha de John Rumpel, proprietário da Encore Motors, empresa pela qual a aeronave estava registrada.

Adina foi adotada por John quando tinha 40 anos. Ele tinha perdido a sua primeira filha alguns anos antes em um acidente durante um mergulho quando tinha apenas 19 anos.

John Rumpel em foto com sua filha Adina Azarian — Foto: Reprodução/Facebook via NBC



Posteriormente, John e sua esposa encontraram com Adina e sentiram nela uma energia que lembrava a de sua primeira filha. Com isso conheceram Adina e pediram para adotá-la.

Adina tinha o sonho de ser mãe e, posteriormente, através de fertilização in vitro, ela deu à luz a Aria. Tanto o pai quanto alguns vizinhos diziam que ela se dedicava muito a cuidar da sua filha e fazia de tudo por ela.

Segundo o jornal “The Washington Post”, as vítimas são:

  • Adina Azarian, a filha de John Rumpel;
  • Aria Azarian, a bebê de dois anos e meio, filha de Adina;
  • O piloto, identificado como Jeff Hefner;
  • E a babá de Aria, cujo nome ainda não foi divulgado.

Adina Azarian, mulher vítima da queda de um avião na Virginia em 4 de junho de 2023 — Foto: Reprodução/Facebook

Segundo “The New York Times”, Rumpel, que também é piloto, disse ter poucas informações sobre as circunstâncias do acidente. Também de acordo com o jornal, ele disse, emocionado, que se o avião perdesse a pressurização, “todos teriam ido dormir e nunca mais acordariam”.

Estrondo durante perseguição de caças a avião foi ouvido em diversas regiões da Virgínia

Estrondo durante perseguição de caças a avião foi ouvido em diversas regiões da Virgínia

O avião caiu após invadir o espaço aéreo de Washington D.C. e ser perseguido por caças norte-americanos, no domingo (4).

A perseguição supersônica, com caças F-16, começou após o piloto do avião não responder a chamados feitos por militares norte-americanos.

Segundo as autoridades norte-americanas, o avião decolou do Aeroporto de Elizabethton, no Tennessee, e pousaria no Aeroporto Long Island MacArthur, em Nova York. A distância é de cerca de 1.000 km.

Avião é perseguido por caças nos EUA

Avião é perseguido por caças nos EUA

Antes de chegar ao aeroporto de Long Island, o avião fez uma volta e mudou de direção, indo em linha reta em direção à capital dos Estados Unidos. As causas são investigadas.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

papa-e-hospitalizado-para-exames

G1 Mundo

Papa é hospitalizado para exames

Segundo o Vaticano, o pontífice, de 86 anos, passou algumas horas no hospital e já teve alta. No final de março, o Papa foi internado para tratar uma infecção respiratória. O porta-voz do Vaticano, Matteo Bruni, a princípio anunciou que Francisco iria fazer exames de rotina, marcados anteriormente (relembre), mas ele acabou ficando no hospital por alguns dias. Depois, informou que o papa tinha recebido um diagnóstico de infecção respiratória. […]

today6 de junho de 2023 8

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%