G1 Santos

Neta que gerou multa de R$ 20 mil para avó em condomínio continua vivendo no imóvel e cometendo infrações, diz advogada

today3 de abril de 2024 1

Fundo
share close

A dona do apartamento foi condenada, em segunda instância, a pagar o valor em multas condominiais por infrações cometidas pela neta e a família dela entre 2016 e 2017. De acordo com a decisão, do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP), a mulher pendurava roupas no corredor do prédio, e os filhos dela brincavam na garagem, o que causou danos a veículos.

A advogada Vania Aparecida Stocco Fernandes disse ao g1 que as crianças aparentam ter entre 8 e 10 anos, já a adolescente, filha do primeiro casamento da mulher, tem aproximadamente 18. O pai das crianças também vivia lá, na época, mas deixou o apartamento porque eles se separaram.

“Ela [síndica] disse, para você ter uma ideia, que o cachorro passa solto no corredor. Então, faz xixi e cocô no corredor. Aí a faxineira que chega de manhã tem que limpar. E se ela vai chamar atenção da [nome da moradora], ela fala para ela: dona [síndica], já está na Justiça, cobra lá na Justiça”, afirmou.



Marcio Rachkorsky tira dúvidas sobre regras de condomínio e convivência com os vizinhos

Marcio Rachkorsky tira dúvidas sobre regras de condomínio e convivência com os vizinhos

Família atingiu ‘limite’ de multas

A família vive no apartamento há mais de 10 anos, mas somente as multas entre março de 2016 e de 2017 entraram na conta da Justiça. Segundo o processo, obtido pelo g1, os moradores e a síndica tentaram dialogar com a moradora diversas vezes. Apesar das notificações e advertências, o comportamento não melhorou, o que levou à ação judicial em 2021.

De acordo com Vania, o condomínio pode aplicar um limite de multas. Quando atingiram as 12 multas que constam no processo, a família da neta não pôde mais ser penalizada. Como os anos se passaram, no entanto, a advogada recomendou que a síndica volte a aplicar novas cobranças pelas infrações.

Recentemente, a neta da proprietária disse à síndica que tem planos de se mudar, mas não houve movimentação oficial relacionada a isso.

Reclamações de moradores do condomínio sobre família que vivia em apartamento de idosa em Praia Grande (SP) — Foto: Reprodução

Herdeiros são contra estadia

Segundo a advogada, a própria família da moradora é contra a estadia dela e dos filhos no imóvel. Ela apurou que a neta da proprietária não paga o aluguel e condomínio.

“O próprio tio falou que os herdeiros estavam querendo tirar. Eu não sei se entraram com alguma ação. Inclusive, no processo, ele dizia que a própria família já tinha notificado a herdeira para deixar o imóvel. Não era de vontade deles que ela estivesse lá”.

Ao g1, o advogado da proprietária do apartamento disse que não há mais nada a ser dito sobre o caso. A cliente dele se manifestará apenas nos autos do processo.

Confira a lista das multas abaixo:

  • Deixar água escorrer do apartamento para a escadaria;
  • Manchar com tinta preta (spray) a frente do apartamento;
  • Cuspir nas áreas comuns do condomínio;
  • Utilizar a luz do condomínio indevidamente;
  • Deixar veículo vazando óleo no piso da garagem;
  • Deixar objetos pessoais nas áreas comuns, obstruindo passagens e rota de fuga, toalhas e tapetes no corrimão da escada;
  • Promover barulho excessivo proveniente de som alto, vozes, algazarras incomodando os demais condôminos;
  • Permitir que o animal de estimação faça as necessidades fisiológicas pela área comum do condomínio;
  • Permitir que as crianças brinquem com bola, bicicleta em área proibida (garagem), bagunçando a área comum;
  • Estacionar o carro incorretamente (ocupando duas vagas);
  • Deixar a bicicleta fora do local indicado (bicicletário);
  • Deixar a moto ocupando a vaga de veículo.

VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

em-trump-pede-“dia-da-visibilidade-crista”-nas-eleicoes,-em-resposta-a-biden

Gospel Prime

Em Trump pede “Dia da Visibilidade Cristã” nas eleições, em resposta a Biden

O ex-presidente Donald Trump criticou o presidente Joe Biden na terça-feira (2) por ter designado o Domingo de Páscoa como o Dia da Visibilidade Transgênero, afirmando que o dia da eleição deste ano deveria ser considerado o “Dia da Visibilidade Cristã”. Durante um comício em Green Bay, Wisconsin, Trump expressou sua desaprovação em relação à decisão de Biden, enquanto a multidão vaiava. Na última sexta-feira, Biden emitiu uma proclamação honrando […]

today3 de abril de 2024 4

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%