G1 Mundo

Número de mortos no ataque aéreo em Mianmar aumenta para 170 pessoas

today15 de abril de 2023 9

Fundo
share close

Um habitante que participou da cremação dos corpos, e que pediu para não ser identificado por questões de segurança, disse nesta sexta-feira(14) que sua equipe revisou o balanço de mortos para 171. O anterior era de 130 mortos.

Entre os mortos há 24 mulheres e 38 crianças, detalhou. O serviço birmanês da BBC também informou um balanço de 171 mortos e Free Press de 170.

Mianmar é afetado por um violento conflito entre a junta militar e seus opositores desde o golpe de Estado de 1º de fevereiro de 2021, que derrubou a líder civil Aung San Suu Kyi.



Na quarta-feira, a junta no poder reconheceu que bombardeou Pazi Gyi.

O porta-voz da junta, Zaw Min Tun, afirmou que algumas vítimas eram combatentes antigolpe uniformizados, mas que que “poderia haver alguém com roupa de civil”.

A região de Sagaing é um reduto rebelde perto de Mandalay, a segunda maior cidade do país. É uma das áreas de maior resistência ao governo militar, com intensos combates há meses.

A junta afirmou nesta sexta-feira que os rebeldes lançaram quatro bombas de um avião não tripulado que mataram oito pessoas, entre elas, cinco crianças, e feriram outras 31 na cidade de Kywe Pon, também na região de Sagaing.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

brasil-abre-caminho-para-cooperar-com-china-no-desenvolvimento-de-chips-e-seguranca-cibernetica

G1 Mundo

Brasil abre caminho para cooperar com China no desenvolvimento de chips e segurança cibernética

Em visita à China, nesta sexta-feira (14), o presidente Luiz Inácio Lula da Silva assinou mais de 15 acordos de cooperação com o governo chinês, em áreas que incluem a construção de um novo satélite de monitoramento e desenvolvimento de tecnologia em várias áreas, entre elas semicondutores, 5G, internet das coisas e segurança cibernética, entre outros pontos. A área de tecnologia, especialmente tecnologia da informação, tem sido um ponto de […]

today15 de abril de 2023 12

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%