G1 Mundo

Presidente do Uruguai não assina documento final de encontro de líderes do Mercosul

today4 de julho de 2023 16

Fundo
share close

O presidente do Uruguai, Luis Lacalle Pou, não assinou a declaração final do encontro de líderes do Mercosul que ocorreu nesta terça-feira (4) em Puerto Iguazu, na Argentina.

A reunião marcou a troca da presidência temporária do bloco, que passa a ser do Brasil. Estavam presentes os presidentes dos países do Mercosul:

  • Lula, do Brasil;
  • Alberto Fernández, da Argentina;
  • Luis Lacalle Pou, do Uruguai;
  • Mario Abdo, do Paraguai.



Durante sua fala, Lacalle Pou, do Uruguai, aproveitou a chance para criticar o regime da Venezuela. Recentemente, uma líder de oposição, Maria Corina Machado, foi proibida de participar das eleições do país que acontecerão em 2024.

O presidente uruguaio afirmou que os países do Mercosul deveriam dar um sinal claro de que reprovam a manobra do regime venezuelano.

“Penso que o Mercosul tem que dar um sinal claro de que o povo venezuelano pode caminhar em direção a uma democracia plena, o que hoje claramente falta”, afirmou Lacalle Pou.

Na declaração final não assinada pelo presidente do Uruguai, o texto menciona uma preocupação em relação ao acordo entre Mercosul e União Europeia, especialmente “pela evolução das iniciativas legislativas que podem desembocar em medidas restritivas ao comércio que afetem as exportações agrícolas do Mercosul e alterem unilateralmente o equilíbrio das condições” que foram estabelecidas para um eventual acordo em 2019.

Lacalle Pou disse o seguinte: “Desejo ao presidente Lula boa sorte, e sei que ele se empenhará nas negociações com a União Europeia. (Mas) já são 25 anos de negociações, o que não é lógico no mundo moderno. Sabemos o que temos a favor e contra, vamos superar os obstáculos para podermos concluir (o acordo)”.

O Uruguai defende que cada país negocie acordos comerciais, sem que isso ocorra com o bloco inteiro.

Alberto Fernández, Lula e Luis Lacalle Pou, em 4 de julho de 2023 — Foto: Nelson Almeida/AFP




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

uniao-europeia,-tensao-com-uruguai-e-venezuela:-os-pontos-que-marcaram-a-cupula-do-mercosul

G1 Mundo

União Europeia, tensão com Uruguai e Venezuela: os pontos que marcaram a cúpula do Mercosul

A reunião teve a posse do presidente Luiz Inácio Lula da Silva como líder temporário do bloco, posto que ele assumirá até o fim de 2023. Entre suas prioridades no posto estão acelerar a adesão oficial da Bolívia ao bloco, incluir os setores automotivo e açucareiro no livre comércio entre os países e ampliar a adoção de uma moeda comum para transações comerciais entre os vizinhos. Durante os discursos dos […]

today4 de julho de 2023 7

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%