G1 Mundo

Reino Unido vai cobrar passagem de R$ 1.800 para retirar britânicos de Israel

today13 de outubro de 2023 12

Fundo
share close

“Cidadãos britânicos vulneráveis serão priorizados”, disse o Ministério das Relações Exteriores do Reino Unido. “Entraremos em contato diretamente com aqueles que são elegíveis para os voos e os cidadãos britânicos não deverão dirigir-se ao aeroporto a menos que sejam chamados.”

Utilizar voos comerciais para operações como esta é um procedimento padrão das autoridades britânicas. “[O valor do bilhete] reflete apenas os custos de operação do voo”, afirma o governo em seu portal na internet.

O Brasil, no entanto, não costuma cobrar pelo resgate.



Até esta quinta, dois grupos de brasileiros já foram repatriados em voos da FAB. Um terceiro chegará ao Brasil na madrugada desta sexta (13), em Recife (PE) e Guarulhos (SP).

Ao todo, segundo o Planalto, 494 brasileiros já foram resgatados, somando os dois voos que já aterrissaram no Brasil e o que está em deslocamento.

O Itamaraty afirmou, na última quarta (11), que mais de 2,7 mil pessoas já entraram em contato com as representações diplomáticas brasileiras em Israel e na Palestina. Segundo o Ministério das Relações Exteriores, o número não significa que todos solicitaram repatriação.

O Ministério das Relações Exteriores afirmou que os candidatos à repatriação estão sendo “acomodados conforme critérios de prioridade”.

“[A pasta] reitera a orientação no sentido de todos os nacionais que possuam passagens aéreas, ou condições de adquiri-las, embarquem em voos comerciais a partir do aeroporto Ben-Gurion”, diz nota divulgada nesta quinta.

Segundo o Planalto, a operação para resgatar brasileiros no conflito entre Israel e o grupo terrorista Hamas havia sido tema de reunião virtual liderada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) na manhã desta quinta, com a participação do ministro da Defesa, José Múcio.

Fontes do governo e do Itamaraty calculam que a atual operação de repatriação de brasileiros (cerca de 2.000 devendo retornar de Israel e da Palestina) já é considerada a maior feita pelo Brasil em situações de conflito.

É maior, por exemplo, que a retirada de brasileiros da Ucrânia, após o país ser invadido pela Rússia, em 2022. Naquela ocasião, houve dois voos (um KC-390 Millennium e um VC-99B Legacy). Foram retirados cerca de 300 brasileiros.

Aeronave da Presidência decola para repatriação de brasileiros em Gaza

Aeronave da Presidência decola para repatriação de brasileiros em Gaza




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

imagens-de-drone-mostram-como-ficou-o-local-da-rave-atacada-pelo-hamas;-brasileiros-estao-entre-as-mais-de-260-vitimas

G1 Mundo

Imagens de drone mostram como ficou o local da rave atacada pelo Hamas; brasileiros estão entre as mais de 260 vítimas

Vídeo revela acampamentos revirados, filas de carros e veículos incendiados. Festival foi invadido no sábado (7). Imagens de drone mostram como ficou o local da rave atacada pelo Hamas O festival acontecia perto da fronteira com a Faixa de Gaza e foi um dos principais alvos dos terroristas. O vídeo, gravado por um drone, mostra acampamentos revirados, carros incendiados e filas de veículos abandonados (veja acima). Enquanto os foguetes explodiam […]

today13 de outubro de 2023 8

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%