G1 Santos

Saiba quem é o homem que deu a ‘voadora’ que matou idoso e chorou na reconstituição do crime

today16 de junho de 2024 6

Fundo
share close

Tiago foi preso por agredir Cesar Fine Torresi, enquanto este atravessava a Rua Pirajá da Silva de mãos dadas com o neto, de 11 anos, no dia 8. De acordo com boletim de ocorrência, Tiago dirigia um carro e freou bruscamente, momento em que o idoso apoiou as mãos sobre o capô do veículo. O motorista saiu do automóvel e o chutou no peito.

Tiago Gomes Souza, de 39 anos, chorou na reconstituição do crime em Santos (SP) — Foto: Matheus Croce/TV Tribuna



Saiba tudo sobre o suspeito a partir dos seguintes tópicos

Tiago Gomes de Souza tem 39 anos e é pai de três crianças. Ao g1, o advogado do suspeito, Eugênio Malavasi, informou que o homem é primário e tem um emprego.

Conforme apurado pela reportagem, Tiago completa 40 anos de vida ainda no dia 29 deste mês.

A delegada Liliane Lopes Doretto, do 3° Distrito Policial da cidade, contou que Tiago disse à polícia sofrer de transtornos psicológicos. Segundo o advogado dele, o suspeito faz psicoterapia e usa medicamento controlado.

Para a polícia, o agressor alegou que, embora faça tratamento com medicamentos, sofreu um ‘ataque de fúria’ ao agredir a vítima porque ela o advertiu por ter avançado com o carro.

Tiago ainda disse aos policiais que não teve a percepção se havia machucado ou não o idoso quando ‘avançou’ com o veículo.

O advogado Eugênio Malavasi, que representa Tiago, afirmou ao g1 que o cliente confessou a agressão e a defesa não busca impunidade. “A defesa vai buscar o que é justo”, explicou Malavasi. “Não houve homicídio na visão defensiva. Houve sim uma lesão corporal seguida de morte”.

O advogado afirmou, ainda, que entrará com um pedido de prisão domiciliar por causa do problema psiquiátrico de Tiago.

Motorista que deu ‘voadora’ em idoso que morreu após a agressão chorou durante reconstituição do crime — Foto: Brenda Bento/g1 e Arquivo Pessoal

De acordo com a delegada responsável pelo caso, Tiago possui algumas passagens na polícia, apesar de não ser condenado.

“Por conta de desacato e por conta de estelionato. Isso já denota que é uma pessoa que não se adequa ao sistema, não consegue conviver com normas, com regras. Tanto que por conta de um trânsito parado, ele resolveu avançar em cima de um idoso e de uma criança”, afirmou Liliane Lopes Doretto, em entrevista à TV Tribuna, emissora afiliada à Globo.

Conforme apurado pelo g1, o desacato ocorreu em 31 de dezembro de 2021. Na ocasião, Tiago se envolveu em uma discussão no bairro Ponta da Praia, em Santos, e a Polícia Militar foi acionada.

De acordo com o boletim de ocorrência, durante o atendimento Tiago xingou os policiais de medíocres. Em seguida, os agentes solicitaram o documento dele, que jogou ao chão e disse que eles teriam que pegar.

Os policiais solicitaram que Tiago levantasse as mãos para ser revistado, mas ele negou e, por isso, foi algemado e levado à Central de Polícia Judiciária (CPJ) de Santos. No trajeto, ele chutou o vidro da viatura, mas não causou dano.

Homem, de 39 anos, foi preso no bairro Aparecida, em Santos (SP), após agredir idoso. — Foto: Redes sociais

Durante a reconstituição do crime feita pela Polícia Civil, Tiago chorou, se ajoelhou no chão e pediu desculpas (assista abaixo).

O trabalho contou com a presença do suspeito, Eugênio Malavasi [advogado dele], um promotor do Ministério Público de São Paulo (MP-SP) e autoridades policiais. O filho da vítima, Bruno Cesar Fine Torresi, também participou.

Durante o procedimento, três versões foram reproduzidas: do autor do crime, do neto da vítima e de uma testemunha – um médico que auxiliou nos primeiros socorros de Cesar e viu apenas parte do ocorrido.

Motorista que deu 'voadora' em idoso morto após agressão chora em reconstituição do crime

Motorista que deu ‘voadora’ em idoso morto após agressão chora em reconstituição do crime

VÍDEOS: g1 em 1 Minuto Santos




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

corpo-e-encontrado-em-vala-e-policia-suspeita-que-seja-de-idoso-desaparecido

G1 Santos

Corpo é encontrado em vala e polícia suspeita que seja de idoso desaparecido

O cadáver foi localizado pela Polícia Militar (PM) após uma denúncia na tarde de sábado (15). Ele estava dentro de uma vala em uma área rural na Avenida Prefeito Raphael Vitiello. Conforme apurado pelo g1 com a Polícia Civil, o corpo tinha marcas de violência, mas a causa da morte será determinada durante perícia. A família do idoso desaparecido foi acionada, mas recusou fazer o reconhecimento pessoal. Ainda segundo a […]

today16 de junho de 2024 4

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%