G1 Mundo

Tel Aviv tem ato com ursos de pelúcia vendados representando crianças israelenses sequestradas pelo Hamas

today25 de outubro de 2023 8

Fundo
share close

Protesto ocupou frente de chafariz na Praça Dizengoff com 30 ursos vendados, com manchas pelo corpo que imitam sangue e fotos de crianças que estão desaparecidas.


Soldado de folga carregando uma arma observa ursos de pelúcia em protesto montado duma praça de Tel Aviv. Ato lembra crianças sequestradas pelo Hamas — Foto: Oded Balilty/AP



Ursos de pelúcia foram colocados na Praça Dizengoff, em Tel Aviv (Israel), nesta quarta-feira (25) para representar crianças israelenses que acredita-se que estão sob o poder do Hamas, na Faixa de Gaza.

O protesto ocupou a frente de um chafariz com 30 ursos vendados, com manchas pelo corpo que imitam sangue, e fotos de crianças que estão desaparecidas e teriam sido capturadas por terroristas do Hamas. As placas com as fotos também indicavam o nome e a idade de cada criança, o status de sequestrado e a hashtag #BringHomeNow (#TragaParaCasaJá, em tradução livre).

Veja mais fotos do protesto abaixo:

Ursos de pelúcia são colocados na Praça Dizengoff, em Tel Aviv, para representar crianças israelenses que acredita-se que estão sob o poder do Hamas, na Faixa de Gaza — Foto: Janis Laizans/Reuters

Criança usa um celular para registrar ursos de pelúcia colocados na Praça Dizengoff, em Tel Aviv, para representar crianças israelenses que acredita-se que estão sob o poder do Hamas, na Faixa de Gaza — Foto: Janis Laizans/Reuters

Ato em Tel Aviv lembra crianças sequestradas pelo Hamas — Foto: Janis Laizans/Reuters

Ursos de pelúcia são colocados na Praça Dizengoff, em Tel Aviv, para representar crianças israelenses que acredita-se que estão sob o poder do Hamas, na Faixa de Gaza — Foto: Janis Laizans/Reuters

Deseja receber as notícias mais importantes em tempo real? Ative as notificações do G1!

http://g1.globo.com/

http://g1.globo.com/




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

conselho-de-seguranca-rejeita-resolucoes-dos-eua-e-russia-sobre-conflito-israel-hamas

G1 Mundo

Conselho de Segurança rejeita resoluções dos EUA e Rússia sobre conflito Israel-Hamas

As votações deixaram clara a discrepância de opiniões entre os cinco membros permanentes do grupo (Estados Unidos, Reino Unido, França, Rússia e China). Para ser adotada, uma resolução exige a aprovação de pelo menos nove dos 15 membros do Conselho e sem veto de nenhum dos cinco membros permanentes. Guga Chacra: 'A grande saída era a resolução da semana passada' A resolução norte-americana foi vetada pela China e pela Rússia, […]

today25 de outubro de 2023 8

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%