G1 Mundo

Torcedores palmeirenses são vítimas de racismo durante visita à Bombonera pela Libertadores

today29 de setembro de 2023 10

Fundo
share close

Apoiador do Boca Juniors escreveu a palavra “macaco” no celular e mostrou para os brasileiros enquanto ria.




Torcedor do Boca Juniors imita macaco em direção à torcida do Palmeiras

Torcedor do Boca Juniors imita macaco em direção à torcida do Palmeiras

Um torcedor do Boca Juniors cometeu um ato racista antes do começo da partida entre a equipe argentina e o Palmeiras pela Copa Libertadores.

No vídeo, divulgado nas redes sociais pelo jornalista João Paulo Cappellanes é possível ver um apoiador do Boca com o celular apontado para os brasileiros enquanto aparecia a mensagem “macaco”.

Em outro vídeo, divulgado por torcedores, um menino aparece imitando um macaco em direção aos brasileiros que estavam na Argentina.

Atos racistas envolvendo torcidas sul-americanas contra brasileiros estão se tornando cada vez mais comuns dentro e fora dos estádios.

A Conmebol, órgão que gerencia a competição e todo o futebol na América do Sul, normalmente aplica punições nesses casos, entretanto somente em forma de multa.

Em campo, as duas equipes empataram em 0x0 e decidirão a vaga para a final da Libertadores, marcada para 4 de novembro no Maracanã, na próxima semana, em São Paulo.

Deseja receber as notícias mais importantes em tempo real? Ative as notificações do G1!

http://g1.globo.com/

http://g1.globo.com/




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

nagorno-karabakh:-ex-comandante-das-forcas-armadas-armenias-e-detido-ao-tentar-deixar-regiao

G1 Mundo

Nagorno-Karabakh: ex-comandante das Forças Armadas armênias é detido ao tentar deixar região

De acordo com a agência, o ex-comandante Levon Mnatsakanyan foi detido em um posto de fronteira quando tentava deixar a região. Mnatsakanyan liderou o Exército local entre 2015 a 2018. Até a manhã desta sexta, quase 90 mil moradores de Nagorno-Karabakh haviam fugido do enclave separatista, segundo a agência de refugiados das Nações Unidas (Acnur). O número corresponde a quase 75% de toda a população local. A região de Nagorno-Karabakh, […]

today29 de setembro de 2023 3

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%