G1 Mundo

Trem de carga russo descarrila por ‘artefato explosivo’ perto da Ucrânia,

today1 de maio de 2023 5

Fundo
share close

A explosão de um “artefato explosivo”, nesta segunda-feira (1), provocou o descarrilamento de um trem de carga em uma região russa próxima à Ucrânia, sem deixar vítimas, informou o governador local.

Um artefato explosivo não identificado explodiu, provocando o descarrilamento de um trem de carga. Sem vítimas“, informou pelo Telegram Alexander Bogomaz, governador da região de Briansk, fronteiriça com a Ucrânia.

Segundo a fonte, o incidente ocorreu em uma ferrovia entre as cidades de Briansk e Unecha. “Os serviços de socorro trabalham no local. A circulação neste trecho está suspensa”, acrescentou Bogomaz.



Em nota, a companhia ferroviária estatal russa informou que a locomotiva do trem pegou fogo após descarrilar. “Unidades dos bombeiros estão trabalhando no local”, disse.

A companhia informou que, além da locomotiva, sete vagões descarrilaram, e ressaltou que o incidente foi causado pela “intervenção de pessoas externas“.

A empresa ferroviária bielorrussa informou, por meio de um comunicado, que o trem acidentado era seu e havia partido da cidade bielorrussa de Gomel rumo a Briansk.

Segundo esta fonte, o artefato explodiu “a 50 metros” do trem. Em imagens exibidas pela mídia local, vê-se a locomotiva e vários vagões em chamas, virados perto dos trilhos.

Belarus, país aliado de Moscou, serve de retaguarda para as tropas russas. Nos últimos meses, tem reportado sabotagens em suas ferrovias, atos pelos quais várias pessoas foram detidas.

A Rússia também sofreu vários atos de sabotagem em bases militares, centros de recrutamento do exército ou ferrovias desde o início da ofensiva contra a Ucrânia, em fevereiro de 2022. Mas esta foi a primeira vez que um descarrilamento é registrado.

No começo de abril, os serviços de segurança russos (FSB) acusaram a Ucrânia e as potências ocidentais de tentarem incitar os russos à sabotagem e à rebelião armada.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

paises-denunciam-na-onu-racismo-e-violencia-policial-na-franca

G1 Mundo

Países denunciam na ONU racismo e violência policial na França

Durante o Exame Periódico Universal, ao qual os 193 países da ONU devem se submeter a cada quatro anos, também foram abordadas questões com os ataques aos migrantes, a discriminação racial e a intolerância religiosa. A França deve "tomar medidas para abordar, de forma transparente, as denúncias sobre o uso excessivo da força por parte da polícia contra manifestantes durante os protestos", declarou o representante da Suécia junto ao Conselho […]

today1 de maio de 2023 10

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%