G1 Mundo

Um dos principais youtubers da França é investigado por estupro e corrupção de menores

today5 de dezembro de 2022 12

Fundo
share close

Norman Thavaud, um dos principais youtubers franceses, foi colocado em prisão provisória, nesta segunda-feira (5), acusado de corrupção de menores e estupro. Uma investigação contra o produtor de vídeos foi aberta pela Unidade de proteção de menores da polícia de Paris, após denúncias feitas por várias seguidoras. 

A procuradoria de Paris confirmou a prisão de Norman, do canal do Youtube “Norman fait des vidéos” (Norman faz vídeos), terceiro da França, com mais de 12 milhões de inscritos.

Em agosto de 2018, o nome de Norman Thauvaud foi citado em denúncias nas redes sociais sobre comportamentos inapropriados de influencers, acompanhadas da #BalanceTonYoutubeur, algo que poderia ser traduzido por “denuncie seu youtuber”. O movimento foi iniciado por outro influencer, Lucas Hauchard, o mais seguido da França, com 17,6 milhões de followers no Twitter .  



Na época, Hauchard, chamado Squeezie nas redes, denunciou youtubers que “se aproveitavam da vulnerabilidade psicológica de seguidoras jovens para conseguir favores sexuais”. Apesar de inúmeros testemunhos contra Norman, as acusações não tiveram consequências. 

Em 8 de julho de 2020, uma seguidora canadense, Maggie Desmarais, de 16 anos, publicou, no Instagram, capturas de telas de mensagens de Norman e o acusou de manipulá-la para obter fotos e vídeos de caráter sexual, enviadas por Snapchat. Desmarais também acusou o youtuber de ter exercido controle psicológico sobre ela em 2018. Norman tinha 31 anos. 

Após prestar queixa, ela testemunhou em um vídeo para o site francês Urbania, onde fala que o youtuber estabeleceu com ela “um jogo perverso de chantagem afetiva. Eu era jovem, eu o admirava, eu caí facilmente na rede”, disse. 

Ela também afirmou ter sido contactada por aproximadamente 30 jovens que tinham vivido experiências similares com o youtuber. 

Além da canadense, outras cinco vítimas teriam sido interrogadas pela Justiça francesa. Com exceção de Desmarais, todas afirmam ter sido estupradas. Duas eram menores na época dos fatos. 

Norman é pioneiro, na França, do vídeo blogue – vídeos sobre banalidades da vida cotidiana adaptados aos códigos da Internet – com mais de dez anos de carreira. Além do Youtube, ele também realiza shows do tipo stand up comedy, contracenou com Vincent Cassel no filme Meu Rei (2015) e participou da série francesa Call My Agent, da Netflix. Seus vídeos diários alcançam quase três milhões de visualizações. 




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

deslizamento-de-terra-soterra-onibus-na-colombia-e-deixa-pelo-menos-33-mortos,-diz-governo

G1 Mundo

Deslizamento de terra soterra ônibus na Colômbia e deixa pelo menos 33 mortos, diz governo

O deslizamento de terra, causado por fortes chuvas, atingiu o veículo entre Pueblo Rico e Santa Cecilia, na província de Risaralda, cerca de 230 quilômetros a noroeste da capital Bogotá. “Já encontramos 33 pessoas mortas, incluindo três menores, e resgatamos nove pessoas vivas, quatro delas em estado crítico", disse o ministro do Interior, Alfonso Prada, a repórteres na segunda-feira. O presidente da Colômbia, Gustavo Petro, descreveu o incidente como uma […]

today5 de dezembro de 2022 13

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%