G1 Mundo

VÍDEO: Brasileiros resgatados da Cisjordânia embarcam em avião da FAB

today5 de novembro de 2023 2

Fundo
share close

O Palácio do Planalto explicou que a aeronave que está em Amã foi a mesma utilizada para enviar alimentos para o Egito.

📌 Das 32 pessoas, 12 são homens, 9 mulheres e 11 crianças.

Imagens do embarque mostram crianças subindo pela escada da aeronave e sendo recebidas pelos militares brasileiros que acompanham a missão.



Famílias brasileiras que estavam na Cisjordânia embarcam em avião da FAB. — Foto: GloboNews/Reprodução

A Cisjordânia, apesar de ser um território de maioria palestina, não está envolvida na guerra entre Israel e Hamas. No entanto, o território conta com assentamentos israelenses, que são causadores de grandes conflitos frequentes há dezenas de anos.

A expectativa é de que a aeronave pouse em Brasília por volta das 5h30 desta quinta-feira (2). De lá, os ocupantes seguem para as suas cidades.

O destino final das famílias repatriadas será Foz do Iguaçu (oito), São Paulo (cinco), Florianópolis (quatro), Recife (três), Rio de Janeiro (três), Fortaleza (três), Curitiba (dois), Goiânia (dois), Brasília (dois) e Porto Alegre (um).

Brasileiros refugiados da Cisjordânia posam diante de avião da Força Aérea Brasileira em 1 de novembro de 2023 — Foto: Reprodução

De acordo com o governo brasileiro, a aeronave que estava no Cairo retornou ao Brasil para manutenção programada. As duas aeronaves são do mesmo modelo, VC-2, da Presidência da Republica, com capacidade para 38 pessoas.

Segundo o embaixador do Brasil na Palestina, Alessandro Candeas, o grupo é formado por pessoas que estavam em várias cidades da Cisjordânia e se reuniu em Jericó.

Três veículos, entre ônibus e vans alugados pela representação do Brasil, conduziram os passageiros de 11 cidades.

“Os veículos foram identificados com a bandeira do Brasil. Para fins de segurança, as placas, trajetos e listas de passageiros foram informados às autoridades da Palestina e de Israel”, explicou o embaixador. O governo explica que a medida é essencial para evitar bombardeios no trajeto.

De lá, o grupo partiu para a fronteira com a Jordânia, até chegar a Amã, onde a aeronave da FAB estava esperando.

Embaixador do Brasil na Palestina fala sobre saída de brasileiros da Cisjordânia

Embaixador do Brasil na Palestina fala sobre saída de brasileiros da Cisjordânia

Estrangeiros começaram a deixar a Faixa de Gaza nesta quarta-feira (1º) pela primeira vez, desde o início do conflito entre Israel e o Hamas. Eles foram autorizados a sair do território após um acordo mediado pelo Catar com Israel, Egito e o Hamas

As saídas acontecem pela passagem de Rafah, na fronteira com o Egito, única por terra em Gaza que não leva a Israel e que ficou fechada durante todo o conflito. De acordo com Candeas, nenhum brasileiro foi colocado nesta primeira lista, que conta com quase 500 nomes.

À GloboNews, o embaixador do Brasil na Palestina disse se sentir frustrado porque os brasileiros em Gaza ainda não conseguiram cruzar a fronteira com o Egito. Segundo ele, os diplomatas brasileiros vão seguir trabalhando para tentar convencer as autoridades egípcias a liberar a saída do grupo, formado por 34 pessoas (que estão em Khan Younis e Rafah).

“Todos os dias é uma frustração, mas somos teimosos e perseverantes até o fim”, afirmou.

Nesta primeira relação, estão autorizados a deixar a Faixa de Gaza nacionais da Austrália, Áustria, Bulgária, Finlândia, Indonésia, Jordânia, Japão e República Tcheca. Além disso, a lista também inclui nomes de integrantes da Cruz Vermelha e de algumas ONGs, segundo Candeas.

“O número de estrangeiros é grande nessa região e o governo continua a insistir para que os brasileiros saiam o quanto antes. A informação que nos foi passada é que hoje não está prevista a saída de brasileiros da Faixa de Gaza”, diz o comunicado oficial do Itamaraty.

VÍDEOS: imagens do conflito entre Israel e Hamas




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

homem-suspeito-de-cometer-violencia-domestica-e-baleado-apos-avancar-contra-pm-durante-‘surto’

G1 Santos

Homem suspeito de cometer violência doméstica é baleado após avançar contra PM durante ‘surto’

Caso aconteceu em São Vicente, no litoral de São Paulo. O suspeito baleado e o policial militar atacado foram levados pelo Samu ao pronto-socorro na cidade. Suspeito de violência doméstica é baleado na perna após avançar contra PM durante 'surto' — Foto: Prefeitura de São Vicente/Divulgação Um homem foi baleado na perna por um policial militar após avançar contra outro PM em São Vicente, no litoral de São Paulo. O […]

today5 de novembro de 2023 2

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%