G1 Mundo

Com dengue em alta na Argentina, falta repelente no país; produto é vendido por até R$ 190

today6 de abril de 2024 3

Fundo
share close

Segundo a agência de notícias AP, há poucas semanas, um repelente de aerossol era vendido em Buenos Aires por cerca de US$ 5,67 (R$ 29, na cotação atual). Agora, em plataformas de comércio online, o preço chega a US$ 37,47 (R$ 190).

Houve uma onda de reclamações contra o governo, e o ministro da Saúde, Mario Russo, disse que a falta de produto vai se resolver nas próximas semanas.

“Nós falamos com os produtores, que nos disseram que mudaram sua logística para produzir e estão em capacidade máxima. Estão produzindo em alguns laboratórios estatais das províncias em maior quantidade de repelentes”, afirmou ele em uma entrevista ao canal de TV Telefé.



Enquanto não tiver produto, ele disse, os argentinos devem ter cuidados como cobrir as pernas com calças e os braços com mangas compridas.

A falta é maior na região metropolitana de Buenos Aires, de acordo com o “La Nación”. O jornal afirma que conseguir repelente “é quase impossível”.

Segundo o “La Nación”, as vendas de produtos repelentes aumentaram mais de três vezes nos últimos dias, e a oferta nos supermercados e farmácias não é suficiente.

O representante de um supermercado afirmou que a venda em março deste ano é 250% maior que de março do ano passado, e por isso é muito difícil atender a demanda.

Uma outra rede disse ao jornal que os produtos somem das gôndolas em minutos.

Segundo o “La Nación”, há três empresas que fabricam repelente na Argentina que, juntas, têm mais de 90% do mercado relevante.

A SC Johnson, que fabrica um dos principais produtos desse mercado, afirmou que aumentou três vezes o tamanho da produção habitual e que começaram a ofertar repelente em embalagens de diferentes tamanhos, mas que só de fevereiro para março houve uma alta de 300% da demanda.

Uma outra produtora, a Algabo, disse que a demanda explodiu. Nas quatro primeiras semanas de janeiro, ela vendeu o mesmo volume de 2023 inteiro.

Desde julho de 2023, mais de 180 mil pessoas foram infectadas pela dengue, e 129 morreram. Há mosquitos circulando com dengue em 19 dos 24 territórios do país.

No último boletim epidemiológico, afirma-se que os casos acumulados nesta temporada são equivalentes a mais de seis vezes o volume da temporada de 2022/2023.

Não há um programa nacional de vacinação, apenas iniciativas de províncias, e em alguns lugares os pacientes precisam pagar pela dose.

O ministro da Saúde afirmou que a vacina não é efetiva para mitigar o surto e que ainda não há evidências suficientes da eficácia para que ela seja incorporada ao calendário de vacinação do país.

O ministro Russo afirma que o imunizante é seguro e eficaz para pessoas de 4 a 16 anos, e que o governo agora espera os dados da fase 4 de testes da Argentina e Brasil para analisar como será seu programa de vacinação.

Sintomas parecidos da dengue e covid confundem pacientes

Sintomas parecidos da dengue e covid confundem pacientes




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

o-que-e-songbun,-o-modelo-que-determina-a-vida-dos-cidadaos-da-coreia-do-norte-de-acordo-com-sua-lealdade

G1 Mundo

O que é songbun, o modelo que determina a vida dos cidadãos da Coreia do Norte de acordo com sua lealdade

Estes dados podem ser considerados irrelevantes para quase qualquer pessoa no mundo, mas, na Coreia do Norte, elas são determinantes para a vida dos cidadãos. O rígido modelo de classificação social que rege o país coloca as pessoas em diferentes categorias: as leais ao regime da família Kim, as hostis e as que ficam em um nível intermediário, entre esses dois extremos. O regime norte-coreano é caracterizado pelo extremo culto […]

today6 de abril de 2024 4

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%