G1 Mundo

EUA investigam ‘mergulho misterioso’ que quase derrubou avião da United

today16 de fevereiro de 2023 13

Fundo
share close

O incidente ocorreu com o voo 1722 da United Airlines logo após a decolagem em Maui, no Havaí.

A aeronave estava ganhando altitude quando de repente despencou 1.400 pés (425m), segundo os relatórios, e se estabilizou a apenas 775 pés (cerca de 236m) de altitude.

O avião pousou em segurança em São Francisco, na Califórnia, 27 ​​minutos antes do horário previsto.



O incidente se soma a uma série de “quase acidentes” envolvendo aviões recentemente.

O voo da United corria normalmente até 71 segundos após a decolagem do aeroporto de Kahului, quando subitamente perdeu altitude, de acordo com o site de aviação Flightradar24.

O Conselho Nacional de Segurança dos Transportes (NTSB, na sigla em inglês), que investiga acidentes aéreos nos Estados Unidos, vai entregar um relatório sobre o incidente dentro de três semanas.

“Houve muitos gritos no avião. Todo mundo sabia que algo estava fora do comum, ou pelo menos que aquilo não era normal”, afirmou o passageiro Rod Williams à rede americana CNN.

Ele disse que era “preocupante” pensar que eles provavelmente estavam a cerca de cinco segundos de cair na água.

Os pilotos do voo apresentaram um relatório interno de segurança após o pouso, segundo informou um representante da United Airlines à BBC News.

Eles possuem uma experiência combinada de 25 mil horas de voo.

Uma investigação da companhia aérea resultou em treinamento adicional para os pilotos, que a United disse estar em andamento.

“A segurança continua sendo nossa prioridade máxima”, declarou um funcionário da empresa em comunicado.

A Autoridade Federal de Aviação (FAA, na sigla em inglês) também recebeu um relatório do incidente, conforme informou o órgão, e “tomou as medidas apropriadas”. Mas não forneceu detalhes.

O incidente está entre uma série de eventos potencialmente perigosos registrados recentemente por companhias aéreas dos EUA, incluindo dois quase acidentes em Nova York e no Texas neste ano.

O NTSB já está investigando os dois sustos ocorridos no último mês.

Em 4 de fevereiro, um avião de carga da FedEx abortou o pouso para evitar uma possível colisão com uma aeronave da Southwest Airlines no Aeroporto Internacional de Austin-Bergstrom, no Texas.

No aeroporto John F Kennedy, em Nova York, um avião da Delta parou na pista durante a decolagem, em janeiro, para evitar colidir com uma aeronave da American Airlines.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

cachorro-e-resgatado-de-escombros-8-dias-apos-terremoto-na-turquia

G1 Mundo

Cachorro é resgatado de escombros 8 dias após terremoto na Turquia

Animal foi salvo pela Força Operacional Conjunta Portuguesa, que trabalha na cidade de Antáquia, atingida pelos tremores da semana passada. Cachorro é resgatado em meio a destroços na Turquia Equipes de resgate salvaram um cachorro preso em meio aos escombros de um edifício em Antáquia, na Turquia, mostraram imagens de vídeo divulgadas pela Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil na terça-feira (14). “Vamos, amigão!”, dizem os socorristas da Força […]

today16 de fevereiro de 2023 14

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%