G1 Mundo

Fundo Amazônia: Casa Branca definirá com Congresso ‘nas próximas semanas’ valor a ser doado, diz embaixadora

today15 de fevereiro de 2023 11

Fundo
share close

Elizabeth Frawley Bagley deu a declaração durante entrevista na sede da embaixada dos Estados Unidos, em Brasília.

“Ficamos muito felizes de fazer parte [do fundo]. O Congresso dos Estados Unidos vai tomar as decisões, e eles poderão e farão a determinação dos valores exatos autorizados, a Casa Branca e o Congresso. Primeiro, a Casa Branca, e depois, o Senado, trabalharão juntos para estabelecerem os valores exatos”, declarou a embaixadora.

“Prevemos que nas próximas semanas o valor será divulgado. Estamos muito entusiasmados”, acrescentou Elizabeth.



Na semana passada, o presidente Lula viajou a Washington e se reuniu com o presidente dos EUA, Joe Biden.

Após o encontro, os Estados Unidos anunciaram intenção de contribuir com o fundo, mas não informaram o valor. Segundo o blog da Julia Duailibi, no g1, o montante deve ser de US$ 50 milhões.

Criado em 2008 para financiar projetos de redução do desmatamento e fiscalização do bioma, o Fundo Amazônia ficou parado entre 2019 e 2022, na gestão do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL). Ao tomar posse em janeiro deste ano, o presidente Lula determinou a reativação do fundo.

Diante da decisão de Lula, Noruega e Alemanha (principais doadores) anunciaram a retomada dos repasses. A União Europeia também já anunciou intenção de contribuir com o fundo.

Lula e Biden no Salão Oval da Casa Branca, durante reunião nesta sexta-feira (10), em Washington. — Foto: Jonathan Ernst/Reuters

Elizabeth Frawley Bagley citou os atos terroristas de 8 de janeiro em Brasília, praticados por vândalos bolsonaristas radicais, e a invasão do Congresso americano em 6 de janeiro de 2021.

“Os dois [Biden e Lula] falaram [na reunião que tiveram] sobre o efeito da desinformação e da informação errada não apenas na campanha, mas sobre as subsequentes repercussões de tudo isso, como aconteceu no dia 6 de janeiro nos Estados Unidos e em 8 de janeiro no Brasil, além das dificuldades que surgem quando a democracia é desafiada ao redor do mundo”, declarou a embaixadora.

“Acho que há muitas coisas em comum entre eles, e o presidente Biden vê o presidente Lula como um líder regional e global e quer trabalhar com ele para defender a democracia”, acrescentou.

Questionada se há alguma medida já definida, ela disse que “ainda não há nada específico”.

Segundo a embaixadora, Joe Biden aceitou o convite de Lula para visitar o Brasil, mas que ainda não há data definida.

Elizabeth Bagley disse também que os Estados Unidos querem formalizar parcerias com o Brasil em áreas como:

  • clima;
  • governança global;
  • Conselho de Segurança das Nações Unidas;
  • combate à discriminação racial;
  • democracia.

“A reunião de sexta [entre Biden e Lula] foi uma das mais significativas entre um presidente dos Estados Unidos e um presidente do Brasil em anos, provavelmente décadas. Para os Estados Unidos, a reunião mostrou a verdadeira parceria que existe entre nossos países e o incrível potencial para Estados Unidos e Brasil trabalharem juntos”, completou.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

terremoto-de-5,8-de-magnitude-atinge-regiao-proxima-das-filipinas

G1 Mundo

Terremoto de 5,8 de magnitude atinge região próxima das Filipinas

O terremoto ocorreu a uma profundidade de 2 quilômetros abaixo da superfície, segundo o Centro Sismológico Mediterrâneo Europeu. Um terremoto de 5,8 de magnitude atingiu a ilha de Samar, na reigão das Filipinas, nesta quinta-feira (15), de acordo com informações do Centro Sismológico Mediterrâneo Europeu (EMSC, na sigla em inglês). O terremoto ocorreu a uma profundidade de 2 quilômetros abaixo da superfície, segundo o EMSC. Deseja receber as notícias mais […]

today15 de fevereiro de 2023 13

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%