G1 Mundo

Governo abrigará no interior de SP repatriados de Gaza que não têm onde ficar, diz secretário do MJ

today10 de novembro de 2023 1

Fundo
share close

Segundo o secretário, quase metade do grupo de 34 pessoas não tem familiares ou endereços onde possa se hospedar em território brasileiro, por isso, precisará ser acolhida em um abrigo, que já foi providenciado pelo Ministério de Desenvolvimento Social.

Das 34 pessoas no grupo, 27 são brasileiras e outras 7 palestinas.

“Alguns brasileiros já têm destino certo porque já têm familiares aqui, então, serão deslocados para esses locais onde ficarão. Uma parcela significativa, quase a metade do grupo, não tem onde ficar. Mas o governo federal já disponibilizou através do Ministério de Desenvolvimento Social, nós já temos o local onde essas pessoas ficarão acolhidas. Isso vai ser no interior de São Paulo”, afirmou Augusto de Arruda Botelho.



Brasileiro se despede de mãe e irmãs antes de seguir para o portão de Rafah

Brasileiro se despede de mãe e irmãs antes de seguir para o portão de Rafah

Segundo o representante do Ministério da Justiça, quando desembarcar no Brasil o grupo de 34 pessoas receberá atendimento médico, alimentação e ficará em um alojamento da Força Aérea Brasileira (FAB) por duas noites descansando e recebendo os cuidados necessários.

Enfermeiros, médicos e assistentes sociais serão deslocados para prestar atendimento aos repatriados.

Também serão realizados procedimentos de regularização de documentos e migratória feitos pela Polícia Federal. Uma equipe da Organização das Nações Unidas (ONU) especializada em protocolos de recebimento de pessoas oriundas de zonas de conflito, com intérpretes, acompanhará a situação dessas pessoas.

Ainda de acordo com o secretário nacional de Justiça, não há um prazo limite para a assistência do governo aos repatriados.

“O governo federal não poupará esforços para receber da forma mais completa, mais digna e sem prazo, para que esse acolhimento possa fazer com que eles se integrem novamente, repatriados ao Brasil”, concluiu Botelho.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

pat-guaruja-oferta-57-vagas-de-emprego-neste-sabado-(11)

Prefeitura de Guarujá

PAT Guarujá oferta 57 vagas de emprego neste sábado (11)

Abaixo, veja as exigências de cada vaga e como concorrer 10 vagas – Azulejista Experiência comprovada em Carteira de Trabalho               Escolaridade: Não exigido 10 vagas – Pedreiro de Fachada Experiência comprovada em Carteira de Trabalho Escolaridade: Não exigida 10 vagas – Técnico de Enfermagem Experiência: Não exigida Escolaridade: Ensino Médio  Observação: Estar com o COREN Ativo 6 vagas – Marinheiro de Convés Experiência na função Escolaridade: Ensino Médio Observação: ESEP – Curso Especial de Segurança […]

today10 de novembro de 2023 5

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%