G1 Mundo

Incidente em voo da Latam: investigadores recolhem caixa preta para saber o que houve a bordo

today12 de março de 2024 12

Fundo
share close

Passageiros a bordo do Boeing 787 Dreamliner relataram que o avião “despencou” em pleno ar enquanto voavam de Sydney para Auckland na segunda-feira, causando pânico na cabine.

Os investigadores disseram nesta terça-feira que começaram a coletar evidências, “incluindo a apreensão de gravadores de voz e dados de voo da cabine”.

A companhia aérea afirmou na manhã desta terça-feira, na Nova Zelândia, que estava trabalhando com as autoridades competentes para elucidar as causas do incidente.



“O registro de voo será fundamental para a compreensão do evento. Dirá aos investigadores se foi um fenômeno atmosférico ou um problema técnico da aeronave”, diz o especialista em segurança da aviação Joe Hattley.

Verónica Martínez, uma das passageiras do voo LA800, contou que sentiu como se o avião tivesse parado em pleno voo e em seguida “caímos”.

“As pessoas voaram, bebês caíram, foi horrível, muita gente ficou ferida”, relata.

As equipes de emergência foram avisadas pouco antes do pouso. Cerca de 50 pessoas passaram por triagem médica no aeroporto de Auckland. As autoridades de saúde disseram à AFP que quatro continuavam hospitalizadas na manhã desta terça.

Brian Jokat, que estava a bordo do voo, disse que viu outro passageiro bater no teto do avião antes de cair e quebrar as costelas no apoio de braço.

“Ele estava contra o teto do avião, de costas, com a cabeça voltada para mim, olhando para mim. Era como ‘O Exorcista'”, disse Jokat a um jornal neozelandês.

Jokat afirma que assim que o avião pousou, o piloto foi para a parte traseira do avião. “Eu perguntei a ele ‘o que aconteceu?’ e ele disse: ‘Perdi brevemente minha instrumentação e de repente ela voltou’.”

Segundo a Latam, 263 passageiros e nove tripulantes estavam no avião. Destes, dez passageiros e três tripulantes foram levados a um centro médico.

“Apenas um passageiro e uma tripulante apresentam lesões que requerem atenção adicional, mas sem risco de morte”, diz a empresa, em nota.

A companhia aérea disse que os passageiros com destino a Santiago partirão de Auckland na noite desta terça-feira.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

o-megaexercicio-militar-da-otan-na-fronteira-com-a-russia-—-com-reforco-de-paises-nordicos

G1 Mundo

O megaexercício militar da Otan na fronteira com a Rússia — com reforço de países nórdicos

Agora, os exercícios da aliança militar têm Moscou em mente. Steadfast Defender é também o primeiro teste para os novos planos militares da Otan. Ele foi concebido para movimentar tropas e equipamento com velocidade e escala para apoiar qualquer aliado sob ataque. Trata-se de uma afirmação do próprio objetivo da Otan: a ideia de que um ataque a um membro provocaria uma resposta de todos. Apesar de o ex-presidente dos […]

today12 de março de 2024 14

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%