Pleno News

Lives de NPC refletem a cultura de idiotização coletiva da atual geração

today20 de setembro de 2023 10

Fundo
share close

Marisa Lobo – 20/09/2023 10h47

Lives de NPC Foto: Reprodução

Nos últimos dias se tornou viral um tipo de transmissão, feita pela rede social TikTok, na qual uma pessoa aparece fazendo gestos automatizados à medida que recebe contribuições financeiras dos seguidores. É o que está sendo chamado de “lives de NPC”.

Basicamente, NPC significa Non Playable Character (Personagem Não Jogável, em português) e se refere a personagens que aparecem em alguns games, aparentemente, interagindo de forma automatizada com o jogador.

No caso das lives no TikTok, são pessoas reais fingindo ser um NPC. Elas dizem frases, palavras ou fazem gestos específicos por horas, sempre que recebem a contribuição. O que mais chama atenção são as reações repetitivas, estereotipadas e fúteis, sem qualquer relevância em matéria de conteúdo.

Afinal, por que algo tão banal faz tanto sucesso? Como explicar o fato de tantas pessoas se prestarem a se expor ridiculamente, enquanto outras pagam para ver isso acontecer?



Idiotização


A explicação para isso pode estar na idiotização coletiva da atual geração. Isto é, na prática, a falta de valorização do que é belo e, de fato, relevante. Neste sentido, lives de NPC estão no mesmo nível dos “artistas” que ficam ricos não porque produzem arte, mas sim idiotices.

Isso me fez lembrar de um documentário da Brasil Paralelo, chamado O Fim da Beleza. Ele retrata exatamente o que vemos na geração atual, que é a glamorização do banal, feio e bizarro, ao contrário do que realmente é bom, bonito e inspirador.

Outro conteúdo que retrata isso muito bem é o filme Idiocracia. Nessa produção, a humanidade vive em um verdadeiro estado de decadência em todos os aspectos, de modo que a idiotice é posta como regra de vida, sendo a inteligência algo escasso e estranho.

Infelizmente, isso já é uma realidade em nossa geração e tudo tem a ver com a desconstrução de valores. Se tudo é relativo, como dizem, não podemos definir o que é útil e inútil, bom ou ruim. Consequentemente, nos tornamos artificiais e vazios de sentido, motivo pelo qual a vergonha de se expor ao ridículo deixa de existir.

Se você é uma pessoa que se preocupa com o futuro dos seus filhos, ensine-os a valorizar o que é bom, bonito e inteligente. Isto é questão de aprendizado e é dentro de casa, por intermédio dos pais, que essa aprendizagem começa, não nas ruas ou no TikTok.

Aos cristãos, precisamos lembrar de que tudo o que Deus fez é belo e inspirador, sendo “as coisas que foram criadas” (Romanos 1:20) a maior prova disso. Virtude, inteligência e sabedoria são exaltadas na Bíblia, pois esses elementos refletem, em nós, a imagem do próprio Deus.

Assim sendo, tudo que tem como proposta ridicularizar o ser humano não reflete a natureza de Deus, mas sim as intenções de Satanás, que é a destruição. Sejamos, portanto, inteligentes, exaltando apenas a criação de bons conteúdos, pois é assim que combateremos a falência moral dessa geração.

Marisa Lobo possui graduação em Psicologia, é pós-graduada em Filosofia de Direitos Humanos e em Saúde Mental e tem habilitação para Magistério Superior.

* Este texto reflete a opinião do autor e não, necessariamente, a do Pleno.News.

Siga-nos nas nossas redes!

O autor da mensagem, e não o Pleno.News, é o responsável pelo comentário.




Todos os créditos desta notícia pertecem a Pleno News.

Por: Marisa Lobo

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

2a-semana-de-profissoes-termina-nesta-sexta-feira

Prefeitura de Guarujá

2ª Semana de Profissões termina nesta sexta-feira

Iniciativa acontece na unidade do Morrinhos IV; primeiro dia tratou sobre o Porto e problemas sociais Para minimizar as dúvidas dos adolescentes que estão prestes a concluírem o Ensino Médio, sobre qual profissão seguir, a Prefeitura de Guarujá promove a segunda Semana de Profissões, aos alunos do 9º ano da Escola Municipal Professora Maria Aparecida Ramos Camargo, no Morrinhos IV. A programação começou na segunda (18) e segue até sexta-feira […]

today20 de setembro de 2023 6

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%