G1 Santos

Motorista de app acusado de estuprar passageira menor de idade ‘se declara inocente’, diz defesa

today2 de março de 2023 13

Fundo
share close

O motorista de aplicativo, de 28 anos, acusado de ter estuprado uma passageira menor de idade em Santos, no litoral de São Paulo, ‘se declara inocente’, segundo a defesa dele. Ao g1, a advogada Juliana Terras ressaltou que a esposa do homem usou as redes sociais para atestar a confiança que possuí na índole do marido, o que “deixa claro não ser ele um estuprador”, disse.

A advogada afirmou que o motorista é plenamente capaz de comprovar as alegações prestadas à Polícia Civil e registradas em Boletim de Ocorrência (BO). No documento, ele negou ter cometido estupro e afirmou ter feito sexo consensual com a adolescente de 17 anos.

Juliana destacou o momento delicado e pediu cautela e consideração à família do motorista, principalmente à esposa, que é puérpera [deu à luz na última terça-feira, 28]. Segundo a defesa, todos têm sido ofendidos. “Pede-se respeito nesse momento delicado, de modo que a situação possa ser conduzida da forma que se deve, perante à Justiça”.



A advogada disse acreditar que tudo será esclarecido. “Acreditamos [que a Justiça] seja feita em breve com a comprovação da inocência do declarante”.

A Uber, em nota, disse que repudia qualquer tipo de comportamento abusivo contra mulheres e acredita na importância de combater e denunciar casos de assédio e violência.; foto ilustrativa — Foto: Divulgação

Segundo a advogada, o inquérito policial corre em segredo de justiça para preservar a imagem e identidade da passageira, que é menor de idade.

“A defesa não irá se manifestar com mais detalhes, deixando claro, contudo, que todas as medidas processuais cabíveis estão sendo tomadas para a solução célere do caso”, finalizou.

A adolescente de 17 anos afirmou ter sido estuprada pelo motorista de app enquanto fazia uma corrida em Santos, no litoral de São Paulo. Segundo apurado pelo g1, a jovem realizou exame no Instituto Médico Legal (IML) e comprovou uma ‘conjunção carnal recente’. O motorista registrou um boletim de ocorrência sobre calúnia e ameaça e deu sua versão sobre o ocorrido.

O pai dela relatou, na Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) de Santos, que estava indo trabalhar, por volta das 7h, quando a filha ligou para ele e contou o que havia acontecido.

A jovem relatou ao pai que, durante o percurso de volta para a casa, o motorista começou a mostrar para ela conteúdo sexual similar ao publicado na plataforma ‘onlyfans’. Ele teria afirmado que tem um perfil neste site e teria sugerido que eles produzissem um conteúdo parecido.

Adolescente afirma ter sido estuprada por motorista de app que teria sugerido produzir conteúdo sexual similar a ‘onlyfans’ em Santos — Foto: Reprodução

Assim que a menina foi deixada em casa, já no início da manhã, ela teria ido até uma farmácia comprar uma pílula do dia seguinte e ligado para o pai, que imediatamente a acompanhou à DDM.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo (SSP-SP), o caso citado é investigado como estupro de vulnerável e ameaça na DDM de Santos. A autoridade policial aguarda o resultado de exames periciais para análises e esclarecimento dos fatos.

A SSP-SP não informou a versão do investigado e disse que maiores detalhes serão preservados por envolver crime sexual e com menor de idade.

Por meio de nota, a Uber disse que repudia qualquer tipo de comportamento abusivo contra mulheres e acredita na importância de combater e denunciar casos de assédio e violência.

O motorista parceiro teve a conta desativada da plataforma assim que a empresa tomou conhecimento do episódio. A Uber disse ainda que se coloca à disposição para colaborar com as autoridades no curso das investigações.

“A Uber defende que as mulheres têm o direito de ir e vir da maneira que quiserem e têm o direito de fazer isso em um ambiente seguro. Desde 2018, a empresa participar ativamente do enfrentamento da violência contra a mulher. A empresa lançou o Podcast de Respeito e uma campanha educativa de combate ao assédio em parceria com o MeToo Brasil. A plataforma possui um canal de suporte psicológico para apoiar vítimas de violência de gênero, que será disponibilizado para a usuária”.

VÍDEOS: Mais assistidos do g1 nos últimos 7 dias




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

menino-de-8-anos-pula-em-piscina-e-salva-bebe-que-se-afogava-no-litoral-de-sp;-video

G1 Santos

Menino de 8 anos pula em piscina e salva bebê que se afogava no litoral de SP; VÍDEO

Um menino de 8 anos se tornou 'herói' após salvar a vida do primo, um bebê de apenas 1 ano e 9 meses, que se afogava na piscina. Imagens obtidas pelo g1 nesta quinta-feira (2) mostram como o garoto reage rápido à situação e evita a tragédia em Mongaguá, no litoral de São Paulo. (veja acima). O caso aconteceu durante uma confraternização familiar na casa de Renata Cristina Rios, que […]

today2 de março de 2023 9

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%