Prefeitura de Guarujá

Município deve construir 2 mil moradias e entregar mais de 9 mil títulos de propriedade até 2024

today25 de fevereiro de 2023 11

Fundo
share close

Desde 2017, a Prefeitura de Guarujá investe de forma expressiva em produção habitacional

Nos últimos seis anos, Guarujá avançou no que se refere a ações de regularização fundiária e produção habitacional. Caminhando a passos largos, o Governo Municipal tem metas otimistas a serem alcançadas, como construir 2 mil unidades habitacionais e entregar mais de 9 mil títulos de regularização fundiária até 2024.

Desde 2017, a Prefeitura de Guarujá investe de forma expressiva em produção habitacional. No conjunto Parque da Montanha, na Vila Edna, o maior em execução na Baixada Santista, serão erguidas quase 2 mil unidades, sendo que 574 já foram entregues, contemplando famílias do Complexo Prainha, no Distrito de Vicente de Carvalho, que reúne famílias que vivem em áreas de risco, próximas à linha férrea.

Também foram entregues, em 2018, 400 unidades habitacionais do Conjunto Cantagalo, na região da Enseada. As moradias integram o Projeto Enseada, realizado a partir de parceria entre Prefeitura e União, pelo Plano de Aceleração de Crescimento (PAC 2). Além disso, estão em andamento 580 unidades habitacionais do programa estadual Vida Digna, que visa à erradicação de palafitas na Baixada Santista, totalizando 1.554 unidades já prontas ou em fase final de obras.

Para o conjunto Cantagalo, na região da Enseada, mais 240 moradias já estão aprovadas, com investimentos de R$ 27 milhões, destinadas exclusivamente às famílias vítimas dos deslizamentos de março de 2020. Também já estão aprovadas  649 unidades de convênio com a Santos Port Authority (SPA),  no valor de pouco mais de R$ 40 milhões, para remoção de famílias do Complexo Prainha.



Regularização fundiária

Guarujá é uma das cidades que mais regulariza imóveis no estado de São Paulo – de acordo com levantamento da Associação dos Registradores Imobiliários (Arisp), em 2019. Visando garantir o direito de propriedade e moradia digna para os munícipes, a Secretaria Municipal de Habitação (Sehab) trabalha firme na regularização fundiária de, pelo menos, 30 comunidades no Município. A meta é tornar mais de 15 mil famílias legalmente donas de seus imóveis.

De 2017 até o momento, a Prefeitura já promoveu a entrega de cerca de 2.900 escrituras definitivas com abertura das matrículas individuais no Cartório de Registro de Imóveis de Guarujá, em nome dos beneficiários. Também estão no Cartório, 614 documentos aguardando a emissão das matrículas. Até 2024, a Prefeitura tem previsão de regularizar um total de 9.027 imóveis.

Todo o processo é pautado na Lei Federal nº 13.465, de julho de 2017, que institui normas e procedimentos aplicáveis sobre a Regularização Fundiária Urbana (Reurb), a qual abrange mediadas jurídicas, urbanísticas, ambientais e sociais destinadas à incorporação dos núcleos urbanos informais ao ordenamento territorial urbano e à titulação dos seus ocupantes. A Cidade também foi a primeira do Estado de São Paulo a fazer a entrega de títulos fundamentada nessa nova legislação.




Todos os créditos desta notícia pertecem a Prefeitura de Guarujá.

Por: Ana Clara

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

navio-da-marinha-com-16-t-de-doacoes-sai-do-porto-de-santos-para-ajudar-vitimas-do-temporal-no-litoral-norte

G1 Santos

Navio da Marinha com 16 t de doações sai do Porto de Santos para ajudar vítimas do temporal no Litoral Norte

Segundo a Capitania dos Portos, o navio-patrulha saiu por volta das 8h30 do cais santista, carregado de itens como água, alimentos e ferramentas. As doações foram feitas pelo Sesc Santos, Prefeitura de Cubatão, Voluntárias Cisne Branco - Praticagem de São Paulo e pela população em geral da Baixada Santista. Navio da Marinha com 16 toneladas de doações sai do Porto de Santos para vítimas do temporal no Litoral Norte — […]

today25 de fevereiro de 2023 14

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%