G1 Mundo

45 sacos com restos humanos são encontrados no México

today2 de junho de 2023 8

Fundo
share close

“Foram extraídas 45 sacolas com restos humanos pertencentes a homens e mulheres”, detalhou o Ministério Público em um comunicado.

A descoberta foi registrada na terça-feira (30) no fundo de uma ravina de 40 metros no município de Zapopan, subúrbio da cidade de Guadalajara. Peritos forenses ainda não determinaram o número de vítimas e suas identidades.

As autoridades iniciaram uma operação para localizar duas mulheres e cinco homens, todos com cerca de 30 anos, desaparecidos desde 20 de maio.



As denúncias sobre o paradeiro dos jovens foram feitas separadamente em dias diferentes, mas as autoridades constataram que todos trabalhavam em uma central de atendimento.

O local onde trabalharam fica na mesma área onde foi noticiada a descoberta de restos humanos.

Segundo as primeiras investigações, a central de atendimento estaria envolvida em atividades ilícitas. Isso foi rejeitado pelos familiares dos jovens, que acusaram as autoridades de criminalizar as vítimas.

A mídia local divulgou que as autoridades encontraram maconha, um pano e um pano de limpeza com aparentes manchas de sangue no local, além de documentos sobre possíveis atividades comerciais.

Jalisco é o estado com maior número de desaparecidos no México, com mais de 15 mil, segundo dados do governo federal do final de 2022.

Nos últimos anos, em diferentes regiões do estado, foram encontrados restos humanos distribuídos em sacos ou em sepulturas clandestinas.

Em 2021, no município de Tonalá, foram encontradas cerca de 70 sacolas com os restos mortais de 11 pessoas.

Em 2019, os corpos de 29 pessoas foram localizados em 119 sacos em uma área despovoada de Zapopan.

Outro caso que gerou inúmeros protestos em Jalisco foi o desaparecimento, em março de 2018, de três estudantes de cinema, cujos restos mortais foram dissolvidos em ácido.

Também em 2018, foi relatado o desaparecimento de três cidadãos italianos, que foram entregues pela polícia ao cartel Jalisco Nueva Generación, ao qual, segundo as investigações, haviam sido vendidos maquinários falsificados. Apesar de operações de buscas realizadas em 2022, os italianos não foram localizados.

Segundo a mídia local, apenas nos primeiros dois meses deste ano os restos mortais de 33 pessoas foram localizados em cinco sepulturas clandestinas na área metropolitana de Guadalajara.

O cartel Jalisco Nueva Generación, um dos mais poderosos do México, opera neste estado e está envolvido em disputas com outras quadrilhas criminosas.

O México registra mais de 340 mil assassinatos e cerca de 100 mil desaparecimentos, a maioria desses casos atribuídos a disputas entre gangues criminosas, desde o lançamento de uma polêmica ofensiva militar antidrogas em dezembro de 2006.




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

conselheiro-da-casa-branca-elogia-boric-e-lacalle-pou-por-discordarem-de-lula-sobre-venezuela

G1 Mundo

Conselheiro da Casa Branca elogia Boric e Lacalle Pou por discordarem de Lula sobre Venezuela

Nesta quinta-feira (1°), Juan González, conselheiro da Casa Branca para América Latina, elogiou o presidente do Chile, Gabriel Boric, e o presidente do Uruguai, Luis Alberto Lacalle Pou, por discordarem do presidente Luiz Inácio Lula da Silva sobre a Venezuela. Ao ser perguntado pela imprensa sobre o caso, González destacou as falas dos líderes do Uruguai e do Chile. Após reunião com presidentes sul-americanos na segunda-feira (29), Lula afirmou que […]

today2 de junho de 2023 12

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%