G1 Santos

Após 16 dias, bombeiros encerram buscas sem encontrar homem e mulher desaparecidos em trilha de São Paulo

today20 de dezembro de 2022 25

Fundo
share close

O Corpo de Bombeiros informou que encerrou nesta terça-feira (20) as buscas pelos dois amigos que sumiram em 4 de dezembro, quando faziam uma trilha com mais oito amigos na Ponte da Usina, região de Emburá, zona sul da cidade de São Paulo.

A corporação afirmou que usou “todas as ferramentas e métodos disponíveis” para buscar os amigos.

Durante a chuva, eles foram atingidos por uma “cabeça d’água”. O fenômeno ocorre quando uma enxurrada é formada em cachoeiras ou rios após aumento de volume de água por causa da chuva.



Em nota, a corporação afirmou que “no período das buscas, foram empenhados no total 102 homens e mulheres do Corpo de Bombeiros”.

Foram percorridos 89,2km de extensão do rio Itanhaém em equipes que se revezaram por 16 dias, incluindo dois cães do Canil do Corpo de Bombeiros, drones e aeronaves utilizadas tanto para buscas quanto para o transporte das equipes que foram infiltradas e extraídas das áreas de maior dificuldade de acesso.

“O Corpo de Bombeiros passa a fase de monitoramento da região, em contato constante com os gestores do parque e comunidades indígenas residentes da região, para que, caso necessário, retorne ao local”, disse o comunicado.

Segundo testemunhas, Marli dos Anjos Valadão, de 32 anos, e José Jackson Alencar, de 25 anos, caíram no Rio Itanhaém, sendo levados pela água. Os outros integrantes do grupo conseguiram escapar e avisaram os bombeiros, que iniciaram as buscas no dia seguinte. Desde então, os bombeiros já usaram helicópteros, drones, barcos e mergulhadores para tentar localizar os dois desaparecidos. Imagens foram gravadas por câmeras para auxiliar nos trabalhos.

O desaparecimento foi registrado no 25º Distrito Policial (DP), em Parelheiros.

Quem são os desaparecidos

Marli dos Anjos Valadão, de 32 anos — Foto: Arquivo pessoal

Marli dos Anjos é vendedora e mora na capital paulista com a filha de 15 anos. Segundo a irmã dela afirmou ao g1 Santos, ela já fez outras trilhas e sempre gostou da natureza. Antes de sair de casa, ela comentou com a mãe que seria a última vez que ela faria uma trilha.

“Seria a última vez que ela faria nesse local porque queria fazer trilhas menores. Essa era muito extensa”, disse a vendedora Marcele dos Anjos de Souza, de 35.

José Jackson de Alencar, de 25 anos — Foto: Instragram/Reprodução

“Eu vim do Piauí para tentar encontrar ele. Os bombeiros estão procurando, mas não conseguiram ainda. Estou em São Paulo na esperança de encontrar ele, mas parece que está difícil. Tenho fé de encontrar ele vivo. Um cara jovem, tem tudo pela frente, mas infelizmente a água levou meu filho”, disse José Sivaldo.

Bombeiros buscam casal que desapareceu após ser atingido por cabeça d’água em trilha em Itanhaém — Foto: Reprodução/Corpo de Bombeiros




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Santos.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

mae-de-mc-primo-desabafa-apos-a-prisao-do-pm-acusado-de-executa-lo:-‘deus-cumpriu-a-palavra’

G1 Santos

Mãe de MC Primo desabafa após a prisão do PM acusado de executá-lo: ‘Deus cumpriu a palavra’

A família de MC Primo, executado em abril de 2012, disse ter ficado 'aliviada' após a prisão preventiva de um policial militar acusado de executar o músico. À TV Tribuna, emissora afiliada à Rede Globo, a mãe do artista, Maria Silene da Silva, e os dois filhos dele, Jonathan Araújo Almeida e Rayssa Araújo Almeida, reforçaram o sentimento de justiça após 10 anos (veja o vídeo acima). De acordo com […]

today20 de dezembro de 2022 27

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%