Gospel Prime

Após protestos, Bíblia é devolvida para escolas em Utah

today21 de junho de 2023 9

Fundo
share close

O Distrito Escolar de Davis, localizado no norte de Utah, nos Estados Unidos, reviu sua decisão de proibir o uso da Bíblia nas escolas de ensino fundamental e médio. Na última terça-feira (20), as autoridades determinaram que as Escrituras são apropriadas para os alunos e estarão disponíveis em todas as bibliotecas do distrito.

No mês passado, a proibição havia sido estabelecida com o argumento de que a Bíblia não era adequada para a idade dos estudantes. No entanto, após uma votação unânime de 70 membros do conselho escolar, a ordem foi revertida.

A decisão de revisar o uso da Bíblia veio como resposta a uma lei estadual de “materiais sensíveis”, aprovada em 2022, que permitia que os residentes contestassem livros considerados inadequados encontrados nas escolas e bibliotecas.

Um grupo de pais da organização “Utah Parents United” apresentou um pedido em dezembro, no qual argumentava que a Bíblia era “um dos livros mais cheios de sexo que existem”. A petição mencionava os esforços dos pais para remover livros sobre sexo, gênero e raça crítica, afirmando que a Bíblia havia sido deixada de fora.

A decisão de reconsiderar a proibição foi baseada em uma avaliação realizada por um comitê de apelação, levando em consideração os padrões da comunidade. O comitê concluiu que a Bíblia possui um “valor significativo e sério para menores que supera o conteúdo violento ou vulgar que contém”, conforme relatado pela Fox News.



Durante a reunião, Brigit Gerrard, vice-presidente do Conselho Distrital, enfatizou que “a magnitude do valor da Bíblia como obra literária supera qualquer violência ou linguagem inadequada que possa estar presente no livro”.

Com essa decisão, a Bíblia estará disponível nas bibliotecas do Distrito Escolar de Davis, permitindo o acesso dos alunos a essa obra religiosa importante.




Todos os créditos desta notícia pertecem a Gospel Prime.

Por: Redacao

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

falso-“jesus”-criado-por-inteligencia-artificial-responde-perguntas-em-live

Gospel Prime

Falso “Jesus” criado por inteligência artificial responde perguntas em live

Uma transmissão ao vivo intitulada “AI Jesus – Interactive With Chat” está em andamento no Twitch, plataforma de streaming de videogames, apresentando um avatar de Jesus Cristo criado por Inteligência Artificial (IA). O avatar foi treinado para responder perguntas e fornecer conselhos aos espectadores. De acordo com NBC News, centenas de usuários estão interagindo com o avatar, representado como um homem branco de barba, que fala com uma voz calma […]

today21 de junho de 2023 13

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%