G1 Mundo

Ataque a tiros na Cisjordânia mata duas israelenses

today7 de abril de 2023 5

Fundo
share close

Segundo Exército, mulheres morreram no território palestino ocupado por Israel desde 1967. Região tem nova escalada de tensões.


Militares revistam área onde duas israelenses foram mortas em ataque a automóvel, na Cisjordânia, em 7 de abril de 2023. — Foto: Rami Amichay/ Reuters



Duas israelenses morreram e uma terceira ficou ferida nesta sexta-feira (7) em um ataque a tiros contra o veículo em que viajavam na Cisjordânia, anunciaram os serviços de emergência de Israel e o Exército.

O Exército informou que as duas vítimas eram israelenses e que o veículo foi atacado na passagem de Hamra, ao norte do vale do rio Jordão, na Cisjordânia, território palestino ocupado por Israel desde 1967.

“As equipes de emergência constataram as mortes de duas mulheres na faixa de 20 anos e prestaram atendimento a outra, gravemente ferida”, anunciou o Magen David Adom, o equivalente israelense Cruz Vermelha.

O Exército israelense afirmou que bloqueou as estradas na área e iniciou as operações para encontrar os “terroristas” que abriram fogo contra o veículo.

O ataque aconteceu em plena escalada da tensão, iniciada na quarta-feira (5), após um período de relativa calma no conflito israelense-palestino desde o início do mês de jejum muçulmano do Ramadã, em 23 de março.

Também nesta sexta, o Exército israelense atacou alvos na Faixa de Gaza e no Líbano, em retaliação a foguetes que atingiram o território de Israel.

Deseja receber as notícias mais importantes em tempo real? Ative as notificações do G1!

Você deseja continuar recebendo este tipo de sugestões de matérias?




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

a-professora-da-universidade-de-cambridge-que-protesta-nua

G1 Mundo

A professora da Universidade de Cambridge que protesta nua

E ela também é uma manifestante que frequentemente faz protestos contra políticas públicas nua. “As pessoas me veem nua e dizem: 'Ah, ela é estúpida, ela é uma idiota e deve ser louca.' Eu quero enfrentar isso e dizer: 'Não, eu sou um ser pensante de verdade'", explica Bateman. "Não acho que ter meu corpo à mostra deva tornar o que tenho a dizer menos digno", diz. Bateman diz que […]

today7 de abril de 2023 6

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%