G1 Mundo

Bell 212: helicóptero que levava presidente do Irã é a versão civil de aeronave usada na Guerra do Vietnã

today20 de maio de 2024 3

Fundo
share close

O presidente do Irã, Ebrahim Raisi, e sua comitiva viajavam em um helicóptero Bell 212, quando precisaram fazer um “pouso forçado” neste domingo (19), afirmaram a agência estatal iraniana Irna e a rede de TV Al Jazeera, do Catar. A fabricante é empresa Bell, nos Estados Unidos.

O Bell 212 é a versão civil do helicóptero militar “UH-1N”, segundo a Força Aérea americana, conhecido como “Twin Huey” e fabricado entre 1968 e 1978. Os UH-1N, bimotores, atuaram na Guerra do Vietnã, assim como o seu antecessor UH-1 Huey, monomotor —e que aparece em filmes como “Apocalypse Now” (1979) e “Rambo 2” (1985).

O governo iraniano não informou a data de fabricação da aeronave envolvida no incidente de domingo.



Segundo o manual de manutenção e informações gerais da companhia, o helicóptero tem capacidade para 15 pessoas, incluindo o piloto e o copiloto. Na viagem deste domingo, ao lado de Raisi, estavam Hossein Amirabdollahian, ministro das Relações Exteriores do Irã, Malek Rahmati, governador da província iraniana do Azerbaijão Oriental, Hojjatoleslam Al Hashem, um líder religioso, e outras autoridades.

Porém, até o momento, não se sabe a quantidade exata de pessoas que estavam na viagem.

O documento aponta também que o helicóptero tem uma porta articulada de cada lado da área dianteira, que permite acesso direto à parte onde fica a tripulação, além de uma porta deslizante que dá acesso à área de carga ou passageiros (veja foto abaixo).

Foto do helicóptero decolando antes de cair — Foto: REUTERS

Veja os detalhes técnicos de como é o helicóptero, segundo documento da empresa Bell, publicado em 2021:

Veja o helicóptero que voava o presidente — Foto: Empresa Bell

Acidentes com Bell 212 e inspeção da aeronave

Esse modelo de helicóptero já esteve envolvido em outros acidentes. Em fevereiro de 2016, por exemplo, autoridades gregas afirmaram que um helicóptero do mesmo modelo, que pertencia à Marinha, caiu no leste do Mar Egeu, matando dois dos três tripulantes. Já em junho de 2021, um piloto morreu perto de Evansburg, no Canadá, enquanto lutava contra um incêndio florestal.

À época, a Transport Canada, departamento do governo canadense responsável pelo regulamento de políticas aéreas, descobriu que “[um dos pinos do motor] se rompeu durante o vôo, levando ao desprendimento da pá do rotor principal e da cabeça do rotor principal”.

No mês seguinte, a Administração Federal de Aviação dos Estados Unidos (FAA) emitiu uma diretriz de emergência exigindo inspeções do rotor principal de alguns helicópteros Bell, incluindo o 212.

Até o momento, não se sabe se a aeronave usada neste domingo pertencia a mesma frota que teve que ser inspecionada. Segundo a agência de notícia estatal iraniana (IRNA), a aeronave caiu em razão de condições climáticas adversas.

Incidente envolvendo presidente do Irã

O presidente do Irã voltava do Azerbaijão, onde esteve nesta manhã para a inauguração de uma barragem no rio Aras. A IRNA afirmou que a aeronave caiu entre as cidades de Varzaqan e Jolfa, na província do Azerbaijão Oriental.

A agência IRNA chegou a informar, por meio de suas redes sociais, que o local exato do incidente teria sido identificado, mas depois apagou a publicação. Ainda segundo a agência, o chefe do Crescente Vermelho (equivalente local à Cruz Vermelha) afirmou que a situação de busca está difícil devido ao clima na região e que o helicóptero ainda não foi encontrado.

O Ministério de Tecnologia da Informação e Comunicações do Irã restringiu a área de busca a um raio de 2 km. Pelo menos 40 equipes de resgate fazem buscas na região.

O vice-presidente iraniano para assuntos executivos, Mohsen Mansouri, declarou que dois dos membros da comitiva presidencial conseguiram estabelecer contato com as equipes de resgate, sugerindo que o incidente não teria sido grave.

Um oficial iraniano afirmou à Reuters que “estão esperançosos, mas que as informações sobre o acidente são preocupantes”.

Veja no vídeo abaixo o momento em que a televisão iraniana reportou sobre o incidente:

Helicóptero com presidente do Irã faz pouso forçado

Helicóptero com presidente do Irã faz pouso forçado




Todos os créditos desta notícia pertecem a G1 Mundo.

Por: G1

Esta notícia é de propriedade do autor (citado na fonte), publicada em caráter informativo. O artigo 46, inciso I, visando a propagação da informação, faculta a reprodução na imprensa diária ou periódica, de notícia ou de artigo informativo, publicado em diários ou periódicos, com a menção do nome do autor, se assinados, e da publicação de onde foram transcritos.

Avalie

Post anterior

helicoptero-de-presidente-do-ira-e-encontrado,-diz-chefe-do-crescente-vermelho

G1 Mundo

Helicóptero de presidente do Irã é encontrado, diz chefe do Crescente Vermelho

"Nenhum sinal de vida foi encontrado entre os passageiros do helicóptero", disse o chefe do Crescente Vermelho. A agência de notícias estatal divulgou imagens do helicóptero após a queda (veja acima). Mais cedo, um drone enviado pela Turquia havia identificado uma "fonte de calor", indicando que poderia ser dos destroços do helicóptero que transportava o presidente iraniano. As coordenadas foram enviadas para as autoridades iranianas. (veja quem estava a bordo). […]

today20 de maio de 2024 9

Publicar comentários (0)

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.


0%